PUBLICIDADE
Topo

Meryl Streep diz que ficou deprimida em gravação de 'O Diabo Veste Prada'

Meryl Streep em "O Diabo Veste Prada" - Divulgação
Meryl Streep em 'O Diabo Veste Prada' Imagem: Divulgação

Colaboração para o UOL, no Rio de Janeiro

14/06/2021 19h59

Parece que interpretar Miranda Priestly em "O Diabo Veste Prada" não foi tão divertido para Meryl Streep. A atriz revelou ter ficado deprimida durante as filmagens do filme, que completou 15 anos recentemente.

"Foi horrível! Eu estava [miserável] no meu trailer. Eu podia ouvir todos eles balançando e rindo. Eu estava tão deprimida! Eu disse: 'Bem, é o preço que você paga por ser o chefe!'", relembrou ela em entrevista ao Entertainment Weekly, conversa que contou também com a presença de Anne Hathaway, Emily Blunt e Gisele Bündchen.

A artista afirmou ter feito uso do Método de Interpretação, uma série de técnicas e treinos utilizada por atores para entregar atuações mais sinceras, indo mais a fundo no personagem. "Essa foi a última vez que tentei uma coisa do Método!", declarou Meryl.

Apesar de ter enfrentado dificuldades para lidar com o papel, a atuação da atriz ajudou as parceiras de cena, que, na época, estavam no início da carreira. Emilly Blunt fez elogios ao desempenho de Meryl:

"Ela é tão sociável e divertida, de certa forma não foi o mais divertido para ter que mudar tanto", disse. "Não era como se ela fosse inacessível, você poderia ir até ela e dizer: 'Meu Deus, a coisa mais engraçada acabou de acontecer', e ela ouviria, mas eu não sei se foi o mais divertido para ela estar no set sendo assim. "

Anne Hathaway admitiu ter se sentindo intimidada pela veterana durante as filmagens, mas afirmou também que se sentiu cuidada por ela.

"Eu sabia tudo o que ela estava fazendo para criar esse medo, eu apreciei [porque] também sabia que ela estava cuidando de mim", disse ela, que ainda relembrou um episódio específico que viveu com Meryl Streep no filme:

Tem uma cena em que ela diz: 'Você é tão decepcionante quanto o resto daqueles idiotas garotas'. Lembro quando a câmera virou para mim, a pressão realmente me atingiu, e eu tinha tanta fluidez emocional durante o dia até aquele momento, mas simplesmente não estava mais lá. Lembro de ver ela me observando, e ela alterou sua performance rapidamente, apenas a tornou um pouco diferente, e isso trouxe mais de mim, me fez quebrar qualquer barreira que eu tinha. Anne Hathaway