PUBLICIDADE
Topo

Gentil lamenta 500 mil mortos e cita Paulo Gustavo para 'continuar'

Fernanda Gentil abre o "Se Joga" lamentando as 500 mortes por covid-19 no Brasil - Reprodução/Globo
Fernanda Gentil abre o 'Se Joga' lamentando as 500 mortes por covid-19 no Brasil Imagem: Reprodução/Globo

Do UOL, em São Paulo

19/06/2021 15h10

Fernanda Gentil abriu o "Se Joga" de hoje relembrando uma fala de Paulo Gustavo, que morreu aos 42 anos vítima da covid-19. A apresentadora citou uma frase do humorista ao lamentar a marca de 500 mil mortes pelo novo coronavírus no Brasil.

"Estamos ao vivo nessa missão de fazer você se distrair e tentar esquecer o que vivemos lá fora. E jamais esquecer esse número que chegamos hoje, mais de 500 mil mortes por covid no Brasil. A pandemia não acabou. Todos os cuidados continuam sendo muito necessário", disse a apresentadora.

Gentil, então, fez a menção ao humorista. "Como diz nosso saudoso Paulo Gustavo, entreter, rir e também distrair, alegrar, é sim um ato de resistência", declarou ela.