PUBLICIDADE
Topo

Marcos Pasquim 'se desculpa' por não ter tomado vacina sem camisa

Marcos Pasquim brinca com matéria que lamentou ele estar sem camisa em dia de vacina da covid-19 - Reprodução/Instagram
Marcos Pasquim brinca com matéria que lamentou ele estar sem camisa em dia de vacina da covid-19 Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/06/2021 12h05

Marcos Pasquim divertiu seus seguidores com um print de uma matéria destacando o uso de camisa no momento em que recebeu a vacina da covid-19 - fazendo alusão ao seu personagem que vivia sem camisa na novela "Kubanacan" - e fez um 'pedido de desculpas'.

No Instagram, o ator postou uma foto da matéria do site "Observatório da TV", parceiro do UOL, com destaque para o título: "Marcos Pasquim, o Pescador Parrudo, toma vacina com camisa e decepciona fãs".

"Desculpa ter decepcionado vocês! #pescadorparrudo #kubanacan", escreveu Pasquim. O 'Pescador Parrudo' é o apelido do personagem Esteban Maroto, de Marcos Pasquim, na novela "Kubanacan" (2003), na Rede Globo.

Os fãs do artista foram ao delírio com o 'pedido de desculpas'. "Eu fiquei decepcionado", disse o ator Sérgio Malheiros. "Socorro", escreveu a humorista Dani Calabresa. "Tá frio, né?", brincou a atriz Fernanda de Freitas.

Origem do "Pescador Parrudo"

Em entrevista ao Gshow, Marcos Pasquim revelou que o responsável pelo apelido ao seu personagem em "Kubanacan" foi o colega de trabalho Humberto Martins. Mesmo 18 anos após a novela, ele contou ainda ser chamado de "Pescador Parrudo" nas ruas.

"Quem inventou esse apelido foi o Humberto Martins. Eu soube que um dia, em uma cena, ele mencionou isso. Acho que o Carlos Lombardi (autor da novela) viu isso, gostou, e inseriu na novela. Até hoje as pessoas me chamam assim na rua. Fico feliz pela lembrança do personagem", contou.

Na trama, Pasquim dá a vida a um homem sem memória que cai do céu com um tiro no peito em uma vila de pescadores.