PUBLICIDADE
Topo

Príncipe William condena ataques racistas a jogadores da Inglaterra

Príncipe William condenou declarações racistas contra os jogadores da Inglaterra - Reprodução/Instagram @kensingtonroyal
Príncipe William condenou declarações racistas contra os jogadores da Inglaterra Imagem: Reprodução/Instagram @kensingtonroyal

Colaboração para o UOL

12/07/2021 09h23Atualizada em 12/07/2021 09h24

O Príncipe William, Duque de Cambridge, usou a conta oficial do twitter destinada a ele e a Duquesa Kate Middleton para condenar os ataques racistas sofridos por jogadores da Inglaterra após a final da Eurocopa, realizada ontem. Marcus Rashford, Jadon Sancho e Bukaya Saka perderam os pênaltis que deram o título a Itália.

"Estou enojado com os ataques racistas contra os jogadores ingleses após o jogo de ontem. É totalmente inaceitável que jogadores tenham que lidar com esse tipo de comportamento abominável. Isso precisa parar agora e todos os envolvendo devem ser responsabilizados. W.", escreveu o irmão de Harry.

Os seguidores da conta oficial apoiaram o gesto de William. "Obrigada! É absolutamente nojento e não há necessidade de qualquer ataque, especialmente racial. Chocada com alguns dos "fãs" de futebol", escreveu uma internauta.

"Outro exemplo do porquê você será um rei exemplar. Bravo, Duque de Cambridge", comentou outro.

William e Kate estiveram presentes na grande final, realizada em Wembley, estádio situado em Londres, Inglaterra. O casal real levou o filho George, 7. A partida disputada entre Itália e Inglaterra terminou empatada em 1 a 1 no tempo normal e na prorrogação e os italianos levaram a melhor e ficaram com o título na disputa por pênaltis.