PUBLICIDADE
Topo

Ben Stiller é criticado após minimizar nepotismo em Hollywood

O ator Ben Stiller recebeu críticas após minimizar o nepotismo e apontar meritocracia em Hollywood - Reprodução
O ator Ben Stiller recebeu críticas após minimizar o nepotismo e apontar meritocracia em Hollywood Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, no Rio

29/07/2021 13h33

O ator Ben Stiller, de 55 anos e consagrado por filmes como "Uma Noite no Museu" e "Entrando numa Fria", recebeu críticas após minimizar o nepotismo em Hollywood em publicações no Twitter, apontando que "todos têm seu caminho" e que é uma questão de mérito conseguir trabalhos na área.

Tudo começou quando o artista comentou uma notícia de que Hopper Penn, filho do ator Sean Penn, foi escalado para um curta dirigido por Destry Spielberg, filha de Steven Spielberg e com roteiro de Owen King, filho de Stephen King.

Stiller, que é filho dos atores Jerry Stiller e Anne Meara, respondeu o comentário de Franklin Leonard, um executivo negro do cinema americano, que ironizou a meritocracia em Hollywood.

"Muito fácil, Franklin. Pessoas trabalhando, criando. Todo mundo tem seu caminho. Deseje a eles tudo de bom", rebateu o ator. "Sim, sem falta, mas também acho importante que reconheçamos esses caminhos", disse Leonard.

"Sim. Falando por experiência própria, e não conheço nenhum deles, aposto que todos enfrentaram desafios. Diferentes daqueles sem acesso à indústria. O show business, como todos sabemos, é muito difícil e, em última análise, é uma meritocracia", disse Ben Stiller em seguida.

O executivo perguntou, então, se o ator explica a falta de diversidade por trás das câmeras como falta de mérito dos profissionais, e o artista concordou:

100% concordam. A diversidade é um problema muito maior. Sem dúvida. E eu vejo seu ponto, acesso é acesso. Então, sim. Estou dizendo que pessoas sem talento realmente não duram se tiverem uma chance devido a quem são, conhecem ou são parentes. Ben Stiller

Internautas criticaram os comentários do ator, apontando que ele foi beneficiado em sua carreira por já ter pais consagrados na indústria.

"Ben Stiller... o filho de um comediante/ator que cresceu na indústria e teve sua grande chance durante o boom da comédia dos anos 90, acha que pessoas sem talento não duram na terra meritocrática de Hollywood, este é o epítome do privilégio branco", escreveu um homem.

"Cara, só uma ideia, mas talvez você não seja a melhor pessoa para discutir isso. Quer dizer, você é um bom ator. Amo seus filmes, mas você é melhor do que todos os atores que não tiveram as mesmas oportunidades que você?", questionou uma fã.

"Meu Deus, Ben, você tem ALGUMA ideia de como isso soa, vindo do filho de Jerry Stiller? Conhecer o negócio, conhecer as pessoas certas, conhecer os prós e contras e vir da riqueza não ajudou essas pessoas? Me diga que você realmente não está alheio aos seus privilégios e aos dos outros", disparou um internauta.