PUBLICIDADE
Topo

Influenciador brasileiro de 26 anos é encontrado morto nos EUA

Anderson, conhecido como Ander Jackson nas redes sociais, foi encontrado morto nos EUA - Reprodução/Instagram
Anderson, conhecido como Ander Jackson nas redes sociais, foi encontrado morto nos EUA Imagem: Reprodução/Instagram

Do UOL, em São Paulo

05/08/2021 17h50Atualizada em 06/08/2021 09h19

Anderson Sodre, de 26 anos, conhecido nas redes sociais como Ander Jackson, foi encontrado morto na Califórnia, Estados Unidos. O brasileiro, natural do interior de São Paulo, morava no país desde 2018 e tem mais de 110 mil seguidores no Instagram, onde costumava compartilhar covers de músicas e vídeos de humor.

Apesar de ter conquistado público na plataforma, o último post do músico foi em 13 de outubro de 2020, quando compartilhou fotos antigas ao lado de amigos do Brasil.

Uma das amigas mencionadas na postagem confirmou a morte de Anderson em seu perfil ainda na noite de ontem.

"Luto. Minha saudade diária, só nunca imaginei que seria uma saudade eterna. Sinto sua falta desde o dia que foi para outro país, não sei nem descrever como serão meus dias com esse novo mundo sem você nele, meu amigo. Estou com o coração em pedaços", escreveu.

Em nota ao UOL, o Itamaraty informou que está ciente do caso e que o Consulado Geral do Brasil em São Francisco, onde Ander morava, "está à disposição para prestar a assistência cabível aos familiares do brasileiro, respeitando-se os tratados internacionais vigentes e a legislação local".

"O traslado dos restos mortais de brasileiros falecidos no exterior para o Brasil é uma decisão da família. Não há previsão regulamentar e orçamentária para o pagamento do traslado com recursos públicos", destaca o Ministério das Relações Exteriores.

Em contato com o UOL, pessoas próximas a Ander confirmaram a morte, mas preferiram não comentar as circunstâncias. A mãe e a irmã do rapaz organizaram uma vaquinha para conseguir trazer o corpo para Sorocaba, no interior de São Paulo. Até o momento R$ 4.945 reais foram arrecadados, de uma meta de R$ 50.000.