PUBLICIDADE
Topo

Sarah Harding: 'Médico disse que o Natal seria provavelmente o meu último'

05/09/2021 10h29Atualizada em 06/09/2021 14h31

Sarah Harding, ex-Girls Aloud morta de câncer aos 39 anos, disse que um médico afirmou que ela provavelmente não chegaria viva ao próximo Natal. Em agosto passado, a cantora britânica revelou ter sido diagnosticada com câncer de mama, que se espalhou para outras partes do corpo.

A cantora contou a passagem na biografia "Hear Me Out", lançada em março deste ano.

Não quero um prognóstico exato. Não sei por que alguém iria querer isso. Ter conforto e estar o mais livre possível de dor é o que importa para mim agora.

No livro, Harding disse ainda que estava "tentando viver e aproveitar cada segundo da minha vida, por mais longa que seja".

Estou tomando uma ou duas taças de vinho, porque me ajuda a relaxar. Tenho certeza de que algumas pessoas podem pensar que não é uma boa ideia, mas quero tentar me divertir. Estou em um estágio agora em que não sei quantos meses me restam. Quem sabe, talvez eu surpreenda a todos, mas é assim que vejo as coisas.

Harding também revelou que ela teve sepse enquanto estava sendo tratada do câncer no hospital. A cantora foi colocada em coma induzido e respirou com a ajuda de aparelhos.

"Mesmo depois de desligar o ventilador, eu não conseguia falar direito", disse ela. "Tudo o que pude fazer foram ruídos que pareciam um chimpanzé tentando se comunicar."

A cantora disse que revelar publicamente seu diagnóstico foi "assustador", mas também "a coisa certa a fazer". Ela disse que o apoio que recebeu foi incrível, acrescentando: "Fui inundada com mensagens adoráveis de meus fãs. Estou grata além do que as palavras podem expressar".

Harding, 39, alcançou a fama em 2002 como parte do show de talentos "Popstars: the Rivals", onde formou o Girls Aloud com outras quatro cantoras: Cheryl Tweedy, Nadine Coyle, Nicola Roberts e Kimberley Walsh. Seu single de estreia, "Sound of the Underground", ficou em primeiro lugar nas paradas de Natal daquele ano, sendo o primeiro de quatro singles no topo das paradas durante sua carreira.

O grupo se separou em 2013. Harding lançou um EP solo, teve um papel curto na série Coronation Street e apareceu em reality shows, incluindo o show de talentos de ginástica "Tumble", além de ganhar a 20ª temporada do "Celebrity Big Brother", em 2017.