Resumo dos capítulos

Maria Isabel pede para Esméria ir embora

Miguel e Juliana estão felizes, um diante do outro. Tia Joaquina se aproxima e Tito Pardo também está presente. Tia Joaquina aconselha que é hora deles selarem a união. É quando Kamau surge ali, tenso, dizendo que o casamento deles não pode acontecer, para espanto de todos. Esméria está nervosa diante de Osório e diz que não sabe onde está Viriato, (Kamau). Osório revela que sabe que ele é Kamau, o escravo que fugiu e Esméria tenta disfarçar a surpresa e mantém a mentira. Genésio chega e parte pra cima de Osório com ódio. Almeida está furioso diante de Urraca, procurando papéis em algumas pastas por ali. Ele diz a Urraca que Miguel voltou da África com provas contra ele. Urraca sugere que Almeida dê Juliana a Miguel para ficar livre de acusação. Almeida insiste que deve haver outra solução e que Urraca precisa lhe ajudar. Urraca se nega a ajudar Almeida e diz que não derramará uma gota de suor para ajudá-lo. Ela lembra que o pai dele pagou seus estudos em Coimbra e que, se ele falsificou, foi porque quis. Urraca lembra Almeida que só voltou ao solar, graças a Miguel. No quilombo, Kamau está nervoso diante de Miguel, Juliana, Tia Joaquina, Tito Pardo e quilombolas. Juliana se adianta e vai até ele, pedindo que não a impeça de se casar com Miguel. Juliana convence Kamau e pede que ele faça a cerimônia. Kamau se emociona e aceita. Genésio é ferido por Osório e Esméria o ajuda com o ferimento. Catarina dobra algumas mantas da casa-grande com dificuldade e Maria Isabel a chama. Maria Isabel diz que Catarina precisa ajudá-la a convencer Miguel quando voltar à tarde, dizendo que ela mudou e que, durante sua ausência, Juliana se entregou a Almeida, enquanto ela permaneceu esperando-o. Catarina não concorda e Maria Isabel dá uma tapa no rosto de Catarina. Kamau caminha de braços dados com Juliana, em direção a Miguel. Kamau entrega Juliana a Miguel e realiza a cerimônia deles. Juliana e Miguel se beijam e são aplaudidos por todos. Filipa e Átila tentam convencer Quintiliano a aceitar o casamento deles. Guilherme discursa aos populares. Tomás e Charles distribuem panfletos aos transeuntes. Irani e Belezinha por ali. Guilherme diz às pessoas que não podem aceitar que um homem honesto e honrado como Nestor continue preso. Petúnia chega e pede para ajudar na distribuição dos panfletos. Rosalinda conversa com Dália enquanto decora a pensão com flores e diz que vai perdoar Loreto. Miguel beija Juliana e se despede indo a caminho da Câmara. Kamau o alcança e pergunta se não quer que vá junto. Miguel aconselha Kamau ficar ao lado de Juliana, pois é impossível prever o que poderá acontecer. Miguel diz a Kamau que se até o final da tarde não voltar, é sinal que deu tudo errado. Almeida conduz uma charrete por uma estrada. Alguns instantes e Miguel surge na frente dele, a cavalo. Miguel já aponta uma arma para Almeida. Maria Isabel está ansiosa a espera de Miguel e anda de um lado ao outro pela sala. Batidas na porta, é Loreto. Maria Isabel fica decepcionada pensando que fosse Miguel. Loreto diz que precisava falar com Almeida, mas Maria Isabel diz que ele foi até a corte. Em seguida, vem Esméria dizendo que tem assuntos pendentes a tratar. Maria Isabel e Loreto se surpreendem com sua chegada súbita. Esméria diz cobrir qualquer oferta pela venda de Catarina. Juliana diz que falará com Almeida e fará o que for possível. Esméria ameaça e diz que Maria Isabel terá que fazer o impossível. Maria Isabel pede para Esméria ir embora. Quando Esméria vai sair, chega Miguel com uma arma apontada para Almeida e Loreto já se alarma.