PUBLICIDADE
Topo

UOL Vê TV #25: Especial do BBB avalia seleção de brothers como maior mérito

Do UOL, em São Paulo

28/04/2020 17h56

O BBB 20 terminou ontem com uma edição histórica, vencida pela médica Thelma Assis, que venceu a final contra Rafa Kalimann e Manu Gavassi. A temporada foi marcada por diversas narrativas e expôs discussões relevantes como a representatividade racial e o machismo, em debate que extrapolou os limites da casa do reality show.

Em edição especial do podcast UOL Vê TV #25, gravado na tarde de hoje, Chico Barney, Débora Miranda, Flávio Ricco e Maurício Stycer abordam os pontos altos e baixos da edição do BBB, elegem os protagonistas da temporada e apontam como principal mérito a escolha dos participantes.

"Eu acho que a seleção dos participantes pode indicar as narrativas que o programa vai tomar. É fácil você propor uma história pela forma como você seleciona os participantes. Este ano realmente criou-se uma nova narrativa ao optar por trazer nove convidados", afirma Maurício Stycer, colunista do UOL (disponível no vídeo acima a partir de 37:48).

A opinião também é compartilhada por Débora Miranda, editora de TV e Famosos do UOL, que ressalta a forma como o programa se diferencia dos demais reality shows.

"O filtro para escolher os participantes, eu acho que foi o grande mérito dessa edição. A Fazenda é muito baseada nisso só, o BBB, além de pensar nisso, ele desenvolve outras mecânicas de jogo, surpreende a gente no meio do programa com coisas que a gente não sabia que iriam acontecer. Acho que tem uma preocupação maior com o desenrolar do programa e da competição", pontua Débora.

Chico Barney também chama a atenção para a forma como o programa foi se desenvolvendo a ponto de as finalistas não serem as maiores protagonistas desta edição, que teve momentos em que Pyong Lee e Felipe Prior eram os participantes mais ativos, mas que acabaram não chegando até final, como Babu, que foi o último eliminado antes da final.

"Acho que a grande história do programa no final das contas foi muito bem representada pela briga entre Pyong e Prior. Eles movimentaram mais do que qualquer pessoa, fizeram as narrativas andarem, afirma Chico Barney.

E mesmo sem protagonizar as cenas que chamaram mais atenção — e nem sempre pelo lado positivo —, Thelma conseguiu vencer como participante inscrita uma edição com convidados famosos e teve mérito na vitória.

"Foi a vitória da coerência. Ela foi a mesma pessoa do começo até o fim do programa, assim como a Rafa também foi. Eu acho que foram as duas que usaram de maior coerência o tempo todo e foi justo elas chegarem na final", afirma Flávio Ricco.

Você pode ouvir o programa UOL Vê TV no Spotify, no Apple Podcasts ou em outros aplicativos de podcasts. No Youtube, a gravação do programa também é transmitida em vídeo. Podcasts são programas que podem ser ouvidos a qualquer hora e lugar —no computador, no smartphone ou em outro aparelho com conexão à internet. Os podcasts do UOL estão todos disponíveis em uol.com.br/podcasts.