Topo

Mahmoud reclama de ordem da produção: "Proibiram a gente de falar árabe"

Reprodução/GloboPlay
Mahmoud reclama de pedido feito pela produção do programa Imagem: Reprodução/GloboPlay

Do UOL, em São Paulo

08/02/2018 16h31

Durante conversa na tarde desta quinta-feira (08), Mahmoud reclamou de uma ordem feita pela produção do programa. "Me chamaram no confessionário e falaram que eu devia parar com isso. Proibiram a gente de falar árabe".

O sexólogo conversava com Kaysar, Viegas e Wagner. O pedido aconteceu depois que o rondoniense e Kaysar começaram a manter conversas no idioma estrangeiro, impedindo o público e a produção de entender o conteúdo. 

Mahmoud chegou a ofender Patrícia em árabe. Ele se arrependeu no dia seguinte e foi pedir desculpas para a sister.

Kaysar achou justa a censura: “Acho bom proibir, não é legal ficar falando algo que o povo não entende”. Wagner também comentou o episódio: “Tem dessas. Vocês podem confabular em árabe, né?”.

“Mas a gente não fica confabulando em árabe, mas a produção pediu para a gente parar”, finalizou Mahmoud. 

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!