PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Leo Dias


Gracy diz que Belo é enrolado, mas ele garante que pagará Denilson este ano

Leo Dias

Leo Dias é jornalista e diretor-executivo do "TV Fama", da Rede TV!. Foi correspondente internacional da rádio portuguesa RDP, passou pelas TVs Bandeirantes e RedeTV! e apresentou um programa na rádio FM O Dia, líder de audiência no Rio de Janeiro, onde entrevistava políticos, jogadores de futebol, dirigentes e muitos artistas. Assinou uma coluna de celebridades no jornal "O Dia" e também esteve nos jornais "Extra" e nas revistas "Contigo", "Chiques e Famosos", "Amiga" e "Manchete". Apesar dessa experiência, sempre se definiu como repórter, tamanha paixão pela apuração da notícia e pela vontade em produzir conteúdos exclusivos. Polêmico, controverso e dono de uma forte personalidade, Leo conquistou um público cativo por dar notas explosivas e audaciosas num mundo artístico mais conservador. Seu lema: "A fama tem um preço estou aqui para cobrar".

Colunista do UOL

30/03/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Casal afirma que nunca enfrentou crise, mas ela diz que ele precisa parar de entregar a vida nas mãos de outras pessoas
  • Cantor diz que 2020 é um ano decisivo e que vai pagar tudo o que deve até dezembro
  • Os dois comentam, ainda, boatos de traição e dizem que jamais pensaram se separar

O casal "Tudão", Belo e Gracyanne Barbosa, bateu um papo exclusivo com a Coluna do Leo Dias e falou de assuntos reveladores. A musa fitness contou que o maior defeito do marido é ser "enrolado". "Isso me irrita profundamente. Ele deixa a vida muito na mão de outras pessoas." Em sua defesa, o cantor disse que 2020 será um ano decisivo e que está sanando todas as suas dívidas, inclusive a que tem com o ex-jogador Denilson no valor de R$ 5 milhões: "Até o final do ano isso vai estar resolvido."

Juntos há oito anos, os dois garantem que nunca houve traição no relacionamento e relembram uma notícia que foi veiculada anos atrás de que Gracyanne teria um amante. "Naquela época, a gente estava em um período muito difícil, em que o Belo estava com síndrome do pânico. Disseram que ele estava em um show, saiu no meio, veio em casa e me flagrou. Sendo que aqui em casa, na época, estavam todos os filhos dele."

Belo disse que não perdoaria uma traição e que aprendeu com o passado, quando traiu Viviane Araújo. "Traição não tem muito a ver com amor, traição tem a ver com caráter, com índole. Eu aprendi lá atrás." Os dois também revelam que nunca tiveram uma briga feia a ponto de pensar em separação. "Aqui é muito amor, muita paixão", se declara o pagodeiro.

Confira abaixo trechos da entrevista.

Belo levanta Gracyanne na praia: os dois dizem que nunca pensaram em se separar - Reprodução/Instagram
Belo levanta Gracyanne na praia: os dois dizem que nunca pensaram em se separar
Imagem: Reprodução/Instagram
Leo Dias - Como vocês estão?

Belo - Estamos em casa, quietinhos, tudo bem. Estamos felizes.

Gracyane Barbosa - A gente está feliz porém preocupado.

A situação é preocupante, né?

Belo - É preocupante. Tenho conversado com uns empresários do Brasil inteiro, do nosso setor do show business, é um setor muito afetado.

Belo, o que quero saber é o seguinte: você vai dar suporte aos seus funcionários?

Belo - Já estamos fazendo isso. O nosso escritório já dá suporte a todo mundo da produção. Não estou dizendo adiantar cachê, mas tem um subsídio, tem um dinheiro que nós estamos liberando como se fosse uma ajuda de custo para cada um. Tenho uma equipe de 32 pessoas que trabalham comigo diretamente nos shows, no dia a dia.

Gracyanne me diz uma coisa, é verdade que você ganha mais do que o Belo?

Gracyanne - Olha..

Belo - Muito mais, ela segurou essa onda aí.

Não, fala a verdade. Você ganha mais do que o Belo?

Gracyanne - Mas estudo mais, também. Estou estudando agora, estou o tempo inteiro estudando e trabalhando. Estudando economia, né, amor? Estou sempre com o lápis, com a calculadora, estudando. Então tenho que ganhar mais.

Belo - Hoje falei para ela larga um pouquinho do telefone e ela falou: "Olha só, você já não está fazendo show, se eu largar o telefone você vai ficar pior ainda" [risos]. Eu disse: "Tudo bem, amor. Continua no telefone".

A sua renda caiu quanto? A do Belo caiu drasticamente, mas e a sua, Gracyanne, por conta dos eventos?

Gracyanne - Todos os setores foram afetados, isso é inevitável. Foram cancelados todos os eventos, não sei quando a gente vai voltar. O trabalho na internet ainda não estou vendo [queda], mas creio que vá cair mais ou menos uns 50%.

Quanto que você fatura pela internet mais ou menos?

Belo - Para com isso, Leo.

Gente, vocês não gostam de falar em números por quê?

Belo - R$ 2.000.

Gracyanne - Não, Leo, mas tem mês que é muito bom, tem mês que não tão bom, tem mês que é ruim.

Qual é o objetivo de um anunciante quando procura você?

Gracyane - Credibilidade, porque com certeza absoluta eu podia ganhar cinco vezes mais do que ganho hoje em dia com a internet, mas só defendo produtos que uso e em que eu acredito.

Você não faria comercial de cerveja, né?

Gracyanne - Já tive muitas propostas de cervejaria, e paga muito bem. Mas eu nunca aceitei porque não é a minha realidade, não bebo cerveja.

Quanto é que paga? R$ 200 mil, R$ 300 mil?

Belo e Gracyanne - Mais.

E você recusou isso?

Belo - Recusou. Eu falei que poderia até beber por ela, mas ela falou: "Não faço".

Belo garante que nunca traiu a amada e diz que aprendeu com os erros do passado - Divulgação
Belo garante que nunca traiu a amada e diz que aprendeu com os erros do passado
Imagem: Divulgação

Por quantas crises vocês já passaram?

Gracyanne - Crise financeira? Crise de relacionamento?

Não, crises amorosas. Em quantos momentos vocês estiverem a ponto de se separar?

Gracyanne - Nunca.

Belo - De verdade, nós somos muito parceiros.

Vocês se lembram daquela confusão com a notícia do amante?

Gracyanne - Eu lembro.

Belo - Mas, Leo, a gente não vive de inverdade, muita conversa fiada.

Gracyanne - Naquela época, a gente estava num período muito difícil, em que o Belo estava com a síndrome do pânico. Aquilo para mim era uma novidade, eu era totalmente ignorante em relação àquilo. Não sabia lidar. Embora eu não discutisse com ele, quando ele estava com as crises, eu saía de perto, meio, "Ah que frescura". Hoje em dia me envergonho, sei que isso é uma doença. Naquele momento, a gente passava por um problema que era por conta da síndrome do Belo, da depressão e tal. Saiu aquela nota e a gente nem deu atenção.

Para vocês que não sabem do que a gente está falando, criou-se uma história de que Belo teria flagrado Gracyanne na cama com outra pessoa, não era isso mais ou menos?

Gracyanne - Que ele estava fazendo show aqui pertinho de casa, saiu no meio do show e me flagrou. Na época estavam todos os filhos dele aqui em casa, era férias.

Você perdoaria uma traição da Gracyanne, Belo?

Belo - Eu não perdoo traição, acho tão complicado. Traição não tem muito a ver com amor, traição tem a ver com caráter, com índole. Mas eu aprendi lá atrás

Gracyanne - Eu vou ali beber água [risos].

Falando em traição, acho que vale a pena esclarecer com todas as letras. Não foi a Gracyanne o motivo da traição do Belo com a Viviane [Araújo] né?

Belo - Não.

Como é, Gracyanne Barbosa, ser odiada, por milhares de pessoas? Você se privou em algum momento de alguma coisa na sua vida por conta desse movimento de ódio contra você?

Gracyanne - Não me privei porque sou uma pessoa muito forte. Posso estar quebrada, derrubada por dentro, mas vou lá. Mas não vou dizer para você que não sofri também, muito. Era muito difícil, tinha vergonha, ficava constrangida. Teve um momento em que fiquei muito triste, porque a minha mãe e a minha sogra presenciaram milhares de pessoas na gravação do DVD do Belo gritando "Viviane" e gritando para que eu fosse embora do show. Aquilo foi muito complicado.

Vale ressaltar aqui, que nós vivemos em um mundo machista, que culpou você e não culpou ele. Você concorda?

Belo - Isso já foi, isso já foi lá atrás.

Vamos falar do presente. Qual é o problema do Belo na sua relação com ele, Gracyanne Barbosa?

Gracyanne - Ah, o Belo é muito enrolado, né? Acho que não existe marido melhor, como homem. A preocupação é excepcional. Mas ele é superenrolado e isso me irrita profundamente. Ele deixa a vida dele muito na mão de outras pessoas, não toma as rédeas, sabe? Ele é uma pessoa que tem um coração enorme e acaba envolvido em um monte de problema que poderia evitar se tomasse a frente dos negócios dele.

Belo - Está sendo um ano muito decisivo. Acabei de sair do escritório antigo que estava, hoje detenho a maioria dos meus direitos e estou lutando por um monte de coisas. Encontrei um escritório que está me dando um respaldo muito maior, tenho mais liberdade de fazer as coisas que sempre almejei. Este ano de 2020 é um ano muito decisivo para mim, como profissional. Mas a Gracyanne há de concordar comigo que já existem os meus movimentos para a mudança.

Então a gente não vai ver mais nota de inadimplência do Belo, né?

Belo: Então, com relação a isso, por exemplo. Já começam umas mudanças neste ano.

Só voltando: crise nunca houve?

Gracyanne - Nunca houve.

Belo - Aqui é muito amor, muita paixão.

Agora me conta, quando você está em uma casa em São Paulo e de repente você descobre que a casa está inadimplente. Como é que você fica?

Gracyanne - Fico enlouquecida, né, amor?

Então você não sabia mesmo?

Gracyanne - Não. Mas aí cai na mesma coisa: às vezes o Belo também não sabe, porque deixou outras pessoas resolverem, deixou as coisas nas mãos dos outros.

Belo, e os carros?

Gracyanne - A gente discute ainda sobre carro, mas outras coisas não. Mas o maior problema é deixar terceiros tomarem conta de tudo.

Belo, fala assim: "Não tem mais nenhuma conta em branco". Fala bem alto.

Belo - Calma aí.

Gracyanne - Claro que tem né? Até eu tenho conta para pagar.

Agora, Belo, sobre Denilson. Você quer falar alguma coisa para ele?

Belo - Meu escritório já está conversando. São dois fatores. Existe uma dívida que não é minha e existe uma dívida que é minha, Aí a gente entra em uma história muito grande, Leo, que se discute sobre Soweto, sobre Belo. Mas são coisas que já estão sendo discutidas e te falo uma coisa com toda a certeza: você pode me cobrar isso: até o final do ano vai estar resolvido.

Leo Dias