Topo

Coluna

Ricardo Feltrin

"P & Ponto": Penélope Nova volta ao vivo como conselheira sexual na web

Divulgação
Penélope Nova, que estreia no próximo dia 8, terça-feira, o "P & Ponto", no You Tube Imagem: Divulgação
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

01/05/2018 10h08Atualizada em 01/05/2018 13h21

Cerca de 10 anos depois de deixar o ar --e saudade-- na MTV, uma das mais divertidas e polêmica “conselheiras” sexuais do país está de volta. Só que dessa vez não será na TV, mas no You Tube que Penélope Nova vai ocupar espaço.

O extinto programa de aconselhamento amoroso e sexual que ela apresentou por anos na MTV agora se chama “P & Ponto”. Estreia na próxima terça (dia 8) ao vivo, às 22h - www.youtube.com/pponto

“Agora posso fazer um programa que eu sempre quis”, diz a ex-MTV, que está lançando a empreitada com apoio de uma empresa de comércio de produtos eróticos.

Segundo ela, o motivo de fazer uma atração na internet ao vivo é dar chance às pessoas que têm algum tipo de problema ou dúvida ligados a relacionamentos ou sexualidade poderem ligar e pedir conselhos em tempo real. Ou apenas desabafar. Como nos tempos de MTV.

O novo canal também permitirá que o público possa enviar qualquer tipo de pergunta sobre a vida pessoal da própria apresentadora, que não se considera um livro aberto, mas escancarado.

“A matéria-prima do programa são as pessoas, eu amo pessoas, e nos últimos anos você não imagina a quantidade de gente que vem até mim para perguntar: Pô, por que não volta com aquele formato?”, diz Penélope, 44 anos, hoje formada em educação física, personal trainer requisitada, e um tanto obcecadinha por alimentação saudável.

Além do programa ao vivo às terças, o canal “P & Ponto” vai ter conteúdos inéditos às quintas e sábados --também sobre sexo e relacionamentos. Esse conteúdo terá  entrevista com famosos, anônimos e matérias de comportamento.

“Fazer aquele programa (“Ponto Pê”) sempre me deixou muito feliz, era o melhor momento da minha semana."

O programa, porém, também foi centro de polêmicas, e muitas vezes Penélope teve de se policiar e reprimir para não dizer o que queria e pensava (veja aqui entrevista exclusiva), especialmente com temas como o aborto.

“Uma vez uma garota de 16 anos ligou desesperada porque descobriu que estava grávida de um ex, que era um traste. Ela ainda estudava, morava com os pais, não trabalhava, não tinha carreira, e eu precisei me segurar para não dizer que meu conselho seria ela abortar. Só que eu não podia fazer isso porque estava em uma emissora como a MTV. Me segurei. Disse que eu a apoiava em qualquer decisão que ela tomasse, mas estava implícito meu sentimento”, relembra.

O assunto é território que ela conhece bem, aliás. Em 2005 essa apresentadora e filha do cantor e compositor Marcelo Nova criou alvoroço ao revelar à revista “Trip” que havia feito aborto.

Virou alvo da sanha de religiosos, ataques de conservadores e também mágoa de algumas pessoas bem intencionadas, mas incapazes de aceitar sua opção e, pior, tais declarações públicas.

A propósito, perguntada a respeito, se daria novamente a mesma entrevista para a revista, diz: “Claro que sim”.

Como personal trainer, Penélope atravessa hoje uma fase longe dos holofotes midiáticos, mas, tudo indica, não por muito tempo.

Programa: “P & Ponto”, com Penélope Nova
Onde: You Tube - www.youtube.com/pponto
Estreia: 8 de maio
Horário: Terças, 22h, ao vivo

LEIA MAIS

Tenho pena dos haters, por isso não os excluo das redes, diz Penélope

Colunista no Twitter, no Facebook ou no site Ooops