PUBLICIDADE
Topo

Após perder 150 mil seguidores, Pugliesi desativa conta no Instagram

A digital influencer e musa fitness Gabriela Pugliesi - Reprodução/Instagram
A digital influencer e musa fitness Gabriela Pugliesi Imagem: Reprodução/Instagram
Ricardo Feltrin

Ricardo Feltrin é colunista do UOL desde 2004. Trabalhou por 21 anos no Grupo Folha, como repórter, editor e secretário de Redação, entre outros cargos.

Colunista do UOL

27/04/2020 18h18

Após perder mais de 150 mil seguidores em menos de 24 horas, a digital influencer Gabriela Pugliesi desativou sua conta no Instagram.

Ela estava sofrendo duras críticas desde ontem, por causa de uma festinha promovida no fim de semana em sua casa, em pleno confinamento, com direito a fotos em redes sociais.

No entanto, uma pessoa próxima à "musa fitness", ouvida pela coluna sob anonimato nesta segunda (27), disse que a desativação da conta é temporária e que ela não a fez por causa das críticas, e sim para interromper a perda de seguidores.

A farra acabou mal para a "influencer", que virou alvo de internautas e até de pessoas famosas, como Tatá Werneck, que criticaram seu comportamento.

A festa teve cerca de 10 convidados e varou a madrugada de sábado para domingo.

Pugliesi e suas amigas foram chamadas de mau exemplo e de terem desrespeitado pessoas que estão na linha de frente de combate ao coronavírus.

Pugliesi foi acusada ainda de egoísmo, já que ela contraiu coronavírus, bem como outras 70 pessoas, na festa de casamento de sua irmã Marcella no litoral da Bahia, em março.

A revolta maior foi com um dos vídeos postados por ela durante a comemoração, em que disse: "Foda-se a vida".

Na manhã desta segunda-feira, além de já ter perdido ao menos dois patrocinadores (um deles inclusive se desculpou em rede social), Pugliesi, 34 anos, perdeu 8 anunciantes, segundo o site CenaPop.

No Instagram, na última sexta ela tinha 4,55 milhões de seguidores. Hoje (27) eram 4,4 milhões.

Em suas redes, Gabriela Pugliesi se dedica a falar de bem-estar, prática de exercícios, meditação e alimentação, além da ostentação diária de marcas e de sua vida de luxo.

Ela postou um vídeo ontem pedindo desculpas, além de ter deletado os vídeos da festa antes de suspender a conta.

Uma das queixas mais contundentes postadas ontem foi de uma vizinha, que a acusou de sempre incomodar ao próximo com sua vida social.

"É karaokê, gritaria à noite, cachorros latindo 'nonstop', o som alto do seu marido que acha que mora em Ibiza, pingue-pongue à noite na garagem... Vizinhos que lutem, né", protestou a vizinha identificada como Helô.

Ricardo Feltrin no Twitter, Facebook, Instagram e site Ooops

Ricardo Feltrin