TV e Famosos

Quem será o próximo vilão que vamos amar odiar em "Game of Thrones"?

Do UOL, em São Paulo

23/06/2016 07h00

ALERTA: Esse texto contém spoilers da sexta temporada de "Game of Thrones". Não leia se você não quer saber o que acontece

“Game of Thrones” deu adeus ao seu vilão mais sádico no último domingo (19), quando Ramsay Bolton (Iwan Rheon) foi devorado por seus cachorros após ser derrotado na Batalha dos Bastardos e apanhar muito de Jon Snow (Kit Harington). A morte foi muito comemorada por fãs da série nas redes sociais, mas deixou um vazio na trama – afinal, não há mais um vilão que o público ame odiar.

Quem será que vai assumir o posto que foi de Ramsay e do reizinho mimado Joffrey (Jack Gleeson) nas próximas temporadas da série? UOL analisa os mais fortes candidatos.

Euron Greyjoy (Pilou Asbæk)

Divulgação/HBO
Imagem: Divulgação/HBO

O tio de Yara (Gemma Whelan) e Theon (Alfie Allen) apareceu pouco na sexta temporada de “Game of Thrones”, mas já deu indícios do que é capaz. Sem cerimônia, ele matou o irmão Balon, então rei das Ilhas de Ferro, e, depois de ter sido aclamado para o cargo, foi atrás dos sobrinhos com a intenção de assassiná-los.

E se “Winds of Winter”, próximo livro da saga “As Crônicas de Gelo e Fogo”, for referência, podemos esperar ainda mais maldades de Euron. Em um capítulo divulgado pelo autor George R. R. Martin, o personagem admite ter abusado sexualmente dos irmãos mais novos (que ainda não apareceram na série) e corta a língua da amante grávida antes de amarrá-la à proa de seu navio.

Parece um bom candidato ao posto de vilão, ainda mais se considerarmos que ele está em busca de Daenerys (Emilia Clarke), que está com Yara e Theon, e deve encontrá-la nas próximas temporadas da série.

Mindinho (Aidan Gillen)

Divulgação
Imagem: Divulgação

Petyr Baelish é um homem perigoso. Grande articulador dos bastidores de Westeros, ele muda de lado conforme sua conveniência – e não é possível esquecer que ele está por trás do evento que abriu as portas para a situação caótica dos Sete Reinos: o assassinato de Jon Arryn, mão do rei Robert Baratheon.

Após ser confrontado por Sansa na atual temporada, ele pareceu arrependido de ter arranjado o casamento dela com Ramsay Bolton. Mas o trailer do próximo episódio dá a entender que ele cobrará um preço por sua colaboração na Batalha dos Bastardos – e coisa boa provavelmente não é.

Vale lembrar ainda que Mindinho tem grande influência sobre o jovem Lorde Robyn Arryn, e pode induzi-lo a tomar decisões bem problemáticas com seu exército.

Os Caminhantes Brancos

Reprodução/HBO
Imagem: Reprodução/HBO

Estabelecidos como a grande ameaça aos Sete Reinos desde o início de “Game of Thrones”, os Outros ainda não ocuparam um papel central na trama, mas é bem provável que a situação mude no final desta temporada e ao longo das próximas, já que o Rei da Noite deixou uma marca em Bran (Isaac Hempstead-Wright), forte o suficiente para quebrar certos tipos de magia, e o está perseguindo.

O único problema é que, até o momento, os Caminhantes Brancos não mostraram ter uma grande motivação por trás de sua jornada rumo ao sul, o que os tornaria mais interessantes de se acompanhar. Mas pode ser que algum flahsback do jovem Stark mude isso. 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo