TV e Famosos

Autor agredido por Thomas Gibson também tem histórico de mau comportamento

Divulgação
Thomas Gibson em "Criminal Minds" Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

18/08/2016 05h48

Thomas Gibson, demitido da série “Criminal Minds” após chutar o autor Virgil Williams em um ataque de fúria, pode ter um álibi para lutar contra a sua demissão.

De acordo com o site TMZ, Williams foi suspenso da produção da série “ER” em 2006 após saber que uma mulher iria ocupar o seu lugar na produção. Ele teria chamado a mulher em seu escritório e ameaçado a vida e a carreira da produtora, que teria saído chorando da sala. Na época, a produção de “ER” afastou Williams e ordenou que ele fizesse um tratamento para controlar sua raiva.

Ainda de acordo com o TMZ, Thomas estaria se preparando para usar as informações contra Williams já que acredita que foi demitido de “CM” injustamente alegando que só chutou o autor por legítima defesa após um ataque de raiva dele.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Mais TV e Famosos

Topo