PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Jolie e Pitt fazem acordo de sigilo e divulgam comunicado em conjunto

Brad Pitt e Angelina Jolie vão se unir em prol da "recuperação da família" - Luke MacGregor/Reuters
Brad Pitt e Angelina Jolie vão se unir em prol da "recuperação da família" Imagem: Luke MacGregor/Reuters

Do UOL, em São Paulo

10/01/2017 10h29

Angelina Jolie e Brad Pitt chegaram a um acordo para que os detalhes de seu divórcio sejam mantidos em sigilo e divulgaram um comunicado em conjunto no qual dizem estar unidos pela recuperação da família. 

Na declaração, divulgada na noite de segunda-feira (9) pela agência Associated Press, os atores anunciaram que as decisões referentes ao processo de divórcio e à guarda dos filhos do ex-casal serão tomadas por um juiz particular -- o que é permitido na Califórnia e em outros estados norte-americanos. 

"As partes e seus advogados assinaram um acordo para preservar os direitos à privacidade de seus filhos e sua família, mantendo todos os documentos da Justiça confidenciais e contratando um juiz particular para tomar qualquer decisão legal e facilitar uma resolução rápida de qualquer assunto pendente", afirmaram. "Os pais estão comprometidos a agir como uma frente unida em prol da recuperação e da reunificação da família”. 

O comunicado vem um mês após um juiz ter negado a Pitt uma audiência de emergência na qual ele buscou o sigilo de todos os documentos do divórcio. O ator acusou a ex-mulher de comprometer a privacidade dos filhos e alegou que Jolie mostra pouco interesse pelo bem-estar das crianças e que os representantes da atriz tentam manchar a imagem do pai junto a elas. 

No início de janeiro, Jolie concordou com o sigilo, mas entregou à Justiça documentos com fortes críticas a Pitt, afirmando que o ator "tem medo de que o público descubra a verdade" sobre ele. 

Separação

Após mais de dez anos juntos, Angelina Jolie pediu o divórcio de Brad Pitt em setembro. A decisão veio após um incidente no mesmo mês, quando o ator teria sido agressivo com o filho mais velho, Maddox, de 15 anos.

Por conta do incidente, ocorrido em um voo da França para Los Angeles, o ator chegou a ser investigado pelo FBI e pelo Departamento de Crianças e Serviços Familiares, mas foi inocentado

Na Justiça, Jolie pede a guarda dos seis filhos do casal: Maddox, Pax, 12, Zahara, 11, Shiloh, 10, e os gêmeos Knox Leon e Vivienne Marcheline, 8. Pitt, neste caso, apenas teria direito a visitas. O ator, porém, já afirmou à Justiça que pretende ter a guarda compartilhada. 

Jolie e Pitt se conheceram no set de filmagens de "Sr. e Sra. Smith", em 2004. Eles oficializaram a união em 2014, com uma cerimônia na França, onde mantinham uma propriedade. 

Famosos