Famosos

Achada morta, Heloisa Faissol foi vista pela última vez terça, diz vizinho

Giovani Lettiere

Colaboração para o UOL, no Rio

03/02/2017 16h27

Encontrada morta no apartamento em que morava, na quinta (02), a socialite e cantora de funk Heloisa Faissol foi vista pelo última vez pelos vizinhos na terça e não aparentava estar aborrecida ou deprimida, segundo vizinhos e funcionários do prédio em Copacabana, na zona sul do Rio.

"A Heloisa era uma pessoa muito boa, nunca teve problemas aqui no prédio, onde morava há mais de 8 anos. Eu a vi pela última vez na terça-feira por volta de 10h da manhã", contou um funcionário do prédio, que não quis ser identificado.

Segundo ele, o fato de ela não ter sido mais vista saindo do prédio, que tem apenas dez apartamentos, e de não ter lixo na porta do apartamento durante dias, chamou a atenção dos funcionários.  "O sindico aconselhou não arrombar e dai veio o filho dela, avisado pela tia. Ela era muito reservada, mas saía de casa todo dia para passear com as cachorrinhas e fazer ioga."

"Ela fazia caminhadas todos os dias e não demonstrava estar aborrecida ou em depressão. Conversava normalmente com as pessoas. As irmãs dela vinham muito aqui visitá-la", contou a aposentada Mariângela Peres, de 67 anos, vizinha da socialite, para quem ela era uma pessoa "extrovertida, com trato amigável com todos". 

Um único problema registrado com a vizinha conhecida, ex-participante do reality "A Fazenda", ocorreu no ano passado, segundo a aposentada "Ela hospedou dois moradores de rua no apartamento dela, mas depois eles saíram."

Carta à família
Titular da 13ª Delegacia de Polícia, em Copacabana, onde o caso está sendo investigado, a delegada Cristiana Bento disse que Heloisa deixou uma carta aos familiares. A hipótese de homicídio, ela diz, é a "menos provável" na linha de investigação. "Parece que foi suicídio, mas tudo vai depender do laudo. Pode ter sido um ataque cardíaco, por exemplo. A casa estava intacta. Há mesmo uma carta, eu a li, mas não vou falar sobre isso. Foi entregue à família, que está muito abalada."

Segundo a delegada, o corpo de Heloisa foi encontrado no banheiro do apartamento pelo filho, José Arthur Gerdes, de 20 anos. "O corpo já estava em fase avançada de decomposição. Ele chamou a polícia por volta de 16h30 de quinta-feira", disse. Desde domingo, ela conta, o filho ligava e Heloisa não atendia. "Daí o rapaz foi até lá na quinta-feira. Ela morava sozinha e vi as mensagens dele no celular dela. Tinha muitos recados dele."

O laudo que pode esclarecer a morte da socialite, que participou do reality "A Fazenda", em 2014, deve ficar pronto na próxima terça (07). Só então, segundo a delegada, familiares serão ouvidos. Em nota, a polícia informou que o corpo de Heloisa "foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para determinar a causa da morte". Uma cerimônia de cremação foi marcada para este sábado, às 11h, na capela 9 do Memorial do Carmo, no Rio.

Divulgação/TV Record
Heloísa Faissol participou de "A Fazenda 7", em 2014 Imagem: Divulgação/TV Record
Helô Quebra Mansão
Heloisa Worms Pinto, mais conhecida como Heloisa Faissol, ficou famosa como Helô Quebra Mansão com o hit "Dou Pra Cachorro". Ela ficou em terceiro lugar no reality show "A Fazenda", em 2014. A socialite era cunhada do cantor e compositor João Gilberto e filha do renomado dentista Olympio Faissol. 

A funkeira deixa um filho, José Arthur, fruto de relacionamento com o dentista Renê Gardes. Em 2012, quando o rapaz tinha ainda 15 anos, os dois disputaram na Justiça a guarda do garoto.

Faissol adotou o nome "Helô Quebra-Mansão", em alusão a Tati Quebra-Barraco, quando começou a cantar funks e organizar festas no Morro da Babilônia. A socialite morou na Suíça e na França e tem formação em marketing.
 
Paixão platônica por Chico Buarque
Heloisa Faissol tinha grande admiração pelo músico Chico Buarque. No reality "A Fazenda", ela contou como conseguiu roubar um beijo do ídolo
 
"Passei muitos anos da minha vida perseguindo ele. Ia no futebol, ia em todos os restaurantes atrás dele. Quando eu ia no futebol, subia no teto do carro dele e ficava gritando: 'Vai, Chico'", lembrou.
 
Ela disse que, depois de perseguir o cantor por anos, conseguiu dar um beijo nele. "Consegui tirar um beijo dele, mas na base da sacanagem", disse. De acordo com a socialite, Chico aceitou beijá-la com a condição de que ela parasse de persegui-lo. 

 

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!

Reuters
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Reuters
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
do UOL
TV e Famosos
do UOL
do UOL
TV e Famosos
UOL Estilo
TV e Famosos
UOL Entretenimento
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
TV e Famosos
Topo