Topo

MasterChef

Valter teve casa roubada e carro batido pouco antes de deixar "MasterChef"

Do UOL, em São Paulo

16/08/2017 01h06

Valter Herzmann revelou que teve a casa invadida e o carro batido pouco antes de ser eliminado do “MasterChef Brasil”, nesta terça-feira (15). A revelação ocorreu em conversa com a apresentadora Ana Paula Padrão, que queria saber o motivo pelo qual o participante parecia “abalado” e "desconcentrado".

“Foram questões que afloraram e me derrubaram. A minha vida está um desastre fora daqui. Essa semana que passou roubaram a minha casa e bateram no meu carro. Tudo isso em uma semana. E quando você não está bem acontece isso [a eliminação]”, explicou o catarinense de 40 anos.

Após saída de Valter, quem você quer que vença o "MasterChef": Deborah ou Michele?

Resultado parcial

Total de 51177 votos
26,43%
Reprodução/TV Bandeirantes
73,57%
Reprodução/TV Bandeirantes
Total de 51177 votos

Valide seu voto

Mesmo com a eliminação, Valter garantiu estar contente com o terceiro lugar e a experiência vivida no programa. “Cheguei longe, fiquei em terceiro lugar, com sete vitórias [individuais ao longo da temporada], só a Deborah igualou a mim. É uma experiência que vou levar para a vida toda”, afirmou ele, que pretende agora abrir o seu próprio restaurante.

Questionado sobre quem ele imagina que será a campeã, Valter não pensou duas vezes. "A Deborah. Talvez ela tenha mais rebolado", avaliou.

Resumo

No programa desta terça, Valter, Michele e Deborah foram desafiados a reproduzir pratos feitos pelos três vencedores de temporadas anteriores –Elisa Fernandes, Izabel Alvares e Leonardo Young. Cada um deles escolheu o seu prato de preferência.

Todos os três semifinalistas se atrapalharam durante a execução da prova na cozinha --Valter, por exemplo, quase se queimou ao cozinhar o polvo na panela de pressão.

Deborah, que preparou um ravioli de pupunha com abóbora defumada ao molho de cogumelos selvagens, foi eleita pelos jurados a vencedora da etapa e, consequentemente, a primeira finalista desta edição.

Em seguida, o programa propôs a segunda prova do dia, que definiria o último participante finalista. Valter e Michele tiveram que replicar uma entrada clássica da culinária francesa, um Terrine em Croûte, que pode ser recheado com carne suína ou bovina, assada em massa podre ou folheada.

Com "ousadia" e um prato “mais equilibrado”, Michele superou Valter e conquistou a vaga para disputar com Deborah o prêmio de R$ 200 mil reais do “MasterChef”.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!