Topo

Famosos

"Limitar meu corpo e meus desejos seria como estar morto", diz Jesuíta

Chico Cerchiaro/Divulgação
Jesutía Barbosa está na revista Cosmopolitan de maio Imagem: Chico Cerchiaro/Divulgação

Do UOL, em São Paulo

15/05/2018 16h06

No ar como Raminho que se traveste de Shakira do Sertão, em “Onde Nascem os Fortes”, Jesuíta Barbosa diz que falar sobre gênero e sexualidade na televisão é importante

“Gênero e sexualidade são tratados como algo binário. Falar sobre isso é essencial para ampliarmos essa perspectiva. Depois de tantas experiências libertadoras no teatro, limitar meu corpo e meus desejos seria como estar morto”, afirmou ele à revista Cosmopolitam.

A ideia inicial do personagem era uma cover da colombiana Shakira. Mas, em conversa com o diretor da série José Luiz Villamarim, Jesuíta conta que sugeriu mostrar uma típica “travesti do sertão”.

“Espero que a relevância artística e social desses trabalhos seja maior do que eventuais classificações”, afirma o ator.

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!