PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Fábio Assunção relembra confusão e "relação obsessiva" com drogas

Fabio Assunção no programa de Pedro Bial - Divulgação/Globo
Fabio Assunção no programa de Pedro Bial Imagem: Divulgação/Globo

Jonathan Pereira

Colaboração para o UOL

01/11/2018 06h53

Fábio Assunção falou de sua dependência química e os recentes problemas com a polícia no "Conversa com Bial" de quarta-feira (31). O ator foi preso em flagrante no ano passado na cidade de Arcoverde (sertão de Pernambuco) sob acusação de dano qualificado ao patrimônio público, desacato a autoridade, desobediência e resistência a prisão. Na ocasião, ele se disse envergonhado e agora relembrou o episódio.

"Eu já estava comemorando [o fim das filmagens do documentário 'Eu Sonho Para Você Ver', que dirigiu]. Saí para fazer xixi lá fora, alguém chegou, teve uma discussão, briga, foi ruim. Levei três chutes na cara, rolei um barranco, as pessoas filmando. É muito cruel isso também. Você fica nessa impotência, num lugar que não era minha cidade, não conhecia ninguém ali, estava com a equipe desse doc", recorda.

"Falei 'não quero ir para o hospital porque vão me filmar'. Uma pessoa da UTI saiu para me filmar. Saí do hospital completamente desesperado. A gente chamou a polícia e ela achou que teria alguma confusão. Obviamente saí do tom, não tratei a polícia com respeito, gritei com eles. Imediatamente fui algemado, foi uma coisa muito violenta. Reagi, foi tudo errado", assume.

O filho João ajudou a lidar com os memes que a confusão gerou. "Virou o 'sextou'. Sempre achei os memes ofensivos. Conversei com meu filho, falei que estava pensando em processar um deles e ele disse: 'pai, não faz isso não, é zoeira'. Vi que estava pegando pilha, levando a sério. Daqui a pouco alguém toma um porre na sexta e eu vou perder o título", diverte-se.

Ele afirma que a dependência química está sob controle. "Já tive uso exagerado e uma relação obsessiva. É uma coisa que pode acontecer, você não sabe se o uso recreativo vai te levar a isso. Para mim esse assunto já foi, estou em outra fase. É um assunto muito recorrente, tem uma coisa de estigma que tenho que lidar".

Aos 47 anos, Assunção considera-se satisfeito com a idade. "Não trocaria pela minha fase dos 20 anos, de muita ansiedade, de ficar pensando no amanhã. Hoje me sinto muito bem nos lugares onde eu estou".

Atualmente, o ator está no elenco de uma montagem baseada no filme "Dogville", que estreia na próxima sexta no Rio de Janeiro e com Mel Lisboa no papel principal.

Famosos