Topo

Famosos

"Torçam por nós", pede Duda Nagle na maternidade com Sabrina Sato

Felipe Pinheiro e Rodrigo Soares

Do UOL, em São Paulo

29/11/2018 09h38Atualizada em 29/11/2018 10h45

Está quase na hora de Zoe, filha de Sabrina Sato e Duda Nagle, nascer. Na madrugada desta quinta-feira (29), o ator compartilhou uma foto ao lado da apresentadora já na maternidade e pediu boas vibrações dos fãs. "Torçam por nós", escreveu o futuro papai.

Sabrina deu entrada na maternidade Pro Matre, em São Paulo, no início da tarde de quarta, após a bolsa estourar em casa. Karina Sato, irmã de Sabrina, disse ao UOL na manhã desta quinta-feira (29) que as contrações começaram a ficar mais fortes por volta das 6h:

 "A médica acha que até às 13h a Zoe nasce. Ela disse que a Sabrina tem um condicionamento físico 'surreal', que está bem. Fiquei conversando com a Sabrina até às 4h da manhã e ela ficou insistindo para todo mundo dormir", contou Karina, que lembrou que Sabrina ficou assustada quando a bolsa estourou.

"Ela não entendeu que era a bolsa. Ela viu uma água. Na história da minha família acho que é a primeira vez que estoura a bolsa", contou a empresária. Durante a madrugada, Karina disse que Duda ajudou Sabrina com exercícios na banheira e com uma bola. 

Em conversa com a reportagem no início da noite de quarta, Dona Kika, mãe de Sabrina, afirmou que nunca havia visto a filha tão nervosa.

"Estou muito nervosa. Estamos todos ansiosos. Eu também nunca vi a Sabrina tão nervosa e tensa como vi hoje", completou. Para facilitar as contrações para o parto, Sabrina fez dancinha na maternidade ao lado do noivo, Duda Nagle. Para facilitar as contrações para o parto de Zoe, Sabrina Sato fez dancinha na maternidade.

A ala onde está Sabrina, que segue acompanhada de Duda e também por uma equipe formada por uma enfermeira, uma obstetra e uma fisioterapeuta, ficou pronta há pouco tempo. O espaço está sendo inaugurado pela apresentadora e é destinado somente para partos humanizados. 

"Quando a Sabrina falou 'quero parto normal, natural e humanizado', respondi: 'Meu Deus do céu, minha Nossa Senhora, é muita coragem'. Já a considero vitoriosa pelo que passou. Agora, quando saí da sala falei pra ela: 'Se sentir muita dor, peça a cesárea'", disse Kika.