Topo

Famosos


Evandro elogia Mion: "Não desmerecendo Justus, mas deu vida ao reality"

Reprodução/Instagram
Caio Fischer entrevista Evandro Santo Imagem: Reprodução/Instagram

Thaís Sant'Anna

Colaboração para o UOL

2018-12-21T20:05:34

21/12/2018 20h05

Evandro Santo continuou falando sobre seus colegas de confinamento em "A Fazenda 10" em entrevista ao canal no YouTube "Bora com Caio Fischer". Sobrou até para o apresentador do reality show, Marcos Mion, mas o humorista só teceu elogios a ele.

"Marcos Mion é mito. Apesar de casado, ser pai, é um cara que continua com espírito jovem. É fraternal, tinha olhar humano. Não desmerecendo o [Roberto] Justus, mas é um cara que deu vida, jovialidade ao reality", disse Evandro, comparando Mion com Justus, que apresentou "A Fazenda" entre 2015 e 2017.

Depois de dizer que não perdoa Ana Paula Renault pelas brigas que eles tiveram durante o confinamento, Evandro continuou detonando a ex-peoa.

"Não tinha que procurar um advogado, e sim um psiquiatra. Ela achou que a produção tinha trocado os remédios dela, olha que maluca. A pessoa que impediu ela de bater sino na primeira semana foi a Nadja [Pessoa]. Ela tirava o pior das pessoas", disse.

Outros participantes criticados por Evandro foram Caíque Aguiar e Fernanda Lacerda. "Caíque era um poser. Fernanda é falsiane, acrescentou nada no jogo", declarou.

O humorista elogiou Gabi Prado, apesar de ter tido algumas discussões com ela no confinamento. "É barraqueira, mas tive acesso a um lado muito humano dela, não consigo não gostar. E piriguete, porque ela causada na festa rebolando com João [Zoli]. Não tem como não gostar dela", contou.

Evandro falou ainda da amizade com Rafael Ilha e de outros participantes. "Na segunda-feira mandou mensagem pra mim. Continuamos amigos. Falo com Rafael, Sandro [Pedroso], Vida [Vlatt] e com a Cátia [Paganote] todo dia. Rafael era leal aos sentimentos dele. Um grande vencedor. Nadja é lacradora. Nova musa gay do Brasil", afirmou.