PUBLICIDADE
Topo

Mariana Godoy sobre casar com ex-padre: "Nem aí pra família tradicional"

A jornalista Mariana Godoy fala sobre o espaço das mulheres na TV e sobre seu programa Mariana Godoy Entrevista - Lucas Seixas/UOL
A jornalista Mariana Godoy fala sobre o espaço das mulheres na TV e sobre seu programa Mariana Godoy Entrevista Imagem: Lucas Seixas/UOL

Guilherme Machado

Do UOL, em São Paulo

29/07/2019 04h00

Durante anos, Mariana Godoy foi um dos rostos mais conhecidos das manhãs brasileiras, no comando de jornais como o Bom Dia São Paulo e Bom Dia Brasil. Em 2014, depois de mais de 20 anos de Globo, três deles no canal a cabo GloboNews, ela decidiu que era hora de mudar. Pediu demissão e assinou com a RedeTV!, onde se tornou um dos destaques da programação com seu Mariana Godoy Entrevista.

Quando recebeu o UOL nos estúdios do programa, por onde já passaram os mais diversos políticos, atletas e artistas, Mariana admitiu que ser a entrevistada não é como se sente mais confortável. O que não a impediu de se abrir sobre sua trajetória na TV, marcada por, nas palavras dela, seu estilo "pé na porta".

Não tenho arrependimentos. Acho que esse é um dos segredos para a pele boa. Não faço nada muito no emocional, no impulso, costumo pensar. Às vezes faço coisas que não gosto, porque precisa, mas não faço nada que não deva. Nada que me agrida.

É com o estilo espontâneo e incisivo que, aos 50 anos, a jornalista afirma ter conquistado seu espaço na televisão, que, ressalta, não costuma ser nada gentil com as mulheres, impedindo que envelheçam diante das câmeras ou colocando-as em segundo plano.

Sem rodeios, ela se abre sobre o casamento com Dalcides Biscalquin, ex-padre que abdicou da batina para viver ao seu lado e dá de ombros para as críticas da comunidade católica da mesma maneira que ri dos memes e ataques que recebe de todos os lados do espectro político por suas entrevistas.

Para quem já encarou três vezes a morte, como relata na entrevista a seguir, críticas, definitivamente, não são uma questão.

Leia a entrevista completa com Mariana Godoy aqui.