PUBLICIDADE
Topo

TV e Famosos


Em visita a projeto com mulheres, Meghan Markle diz que só quer ser ouvida

Meghan Markle em turnê pela África do Sul - Getty Images
Meghan Markle em turnê pela África do Sul Imagem: Getty Images

Do UOL, em São Paulo

04/11/2019 13h18

Em visita a um projeto social, em Londres, que acolhe vítimas de violências doméstica e mulheres que enfrentam várias situações de vulnerabilidade, a duquesa de Sussex, Meghan Markle, disse que não quer ser amada, e sim ouvida.

Markle visitava a confeitaria Luminary, que acolhe e profissionaliza mulheres em situação de risco, quando foi acompanhada pela jornalista Bryony Gordon, do site The Telegraph. O projeto é apoiado pela duquesa, que participou da inauguração de sua segunda unidade.

Vestindo calça jeans, tênis e camisa, Markle se entregou às tarefas da loja, arregaçando as mangas, decorando bolos e passando tempo com cada mulher para ouvir sua história.

Ao ser perguntada sobre como estava se sentindo, respondeu que não queria que as pessoas a amassem, só queria que elas fossem capazes de ouvi-la.

"Eu estava falando sobre isso com alguém outro dia", afirmou Meghan. "Temos o hábito de querer que as coisas sejam feitas imediatamente. Existe uma cultura de gratificação instantânea, do conserto instantâneo. Mas não somos objetos mecânicos que precisam ser consertados. Você é uma criatura ferida que precisa ser curada, e isso leva tempo. E é isso que eu amo neste lugar. Ele dá o apoio para se curar".

"Acho que, quando se retiram todas as camadas, como pessoas e, principalmente, como mulheres, podemos encontrar uma profunda conexão uns com os outros e um entendimento mútuo", disse a duquesa.

Markle buscou passar às mulheres seu o entendimento de que, no fim das contas, as pessoas são todas iguais.

"Nossas vidas podem ser diferentes, nossas origens, nossas experiências, todas variadas, mas acho que, nesses momentos de conexão, fica muito claro que nossas esperanças, nossos medos, nossas inseguranças, as coisas que nos fazem funcionar?., bem, esses são praticamente os mesmos. E há conforto nisso."

Emocionada com a presença de duquesa, uma das mulheres na confeitaria disse à ela: "Não sou filha de ninguém. E você é alguém. Significa muito que eu possa te conhecer".

Markle sorriu para a mulher e respondeu: "Ah, não, significa muito que eu possa conhecê-la."

Segundo a reportagem, para a duquesa, mostrar vulnerabilidade não é uma fraqueza. Ao contrário, é uma das maiores forças da humanidade.

O site afirma que, por conta das especulações em torno de Markle e do príncipe Harry após o casamento e o nascimento de seu filho, Archie, o casal estaria enfrentando "tormentas" e planejando se mudar do Reino Unido para os Estados Unidos.

Ouça o podcast UOL Vê TV, a mesa redonda do UOL sobre televisão com os colunistas Chico Barney, Flávio Ricco e Mauricio Stycer.

Os podcasts do UOL estão disponíveis no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts e outras plataformas de áudio.

TV e Famosos