PUBLICIDADE
Topo

Famosos


Federação Israelita critica Silvio Santos: "Com nazismo não se brinca"

Reprodução/SBT
Imagem: Reprodução/SBT

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

04/11/2019 17h11Atualizada em 04/11/2019 20h14

Resumo da notícia

  • Silvio Santos falou a expressão "Heil Hitler", uma saudação e símbolo do nazismo, durante uma brincadeira em seu programa
  • A Federação Israelita do Estado de São Paulo repudiou a declaração dita pelo apresentador
  • O presidente executivo da federação afirmou que "é uma brincadeira totalmente inapropriada e é um tema com o qual não se brinca"
  • Para o advogado criminalista Luciano Santoro, no entanto, Silvio Santos não fez apologia ao nazismo

Silvio Santos brincou com a saudação nazista "heil Hitler" em seu programa exibido ontem e foi criticado pela Federação Israelita do Estado de São Paulo (FISESP). Presidente executivo da federação, Ricardo Berkiensztat lamentou o comportamento do apresentador e dono do SBT.

"É uma brincadeira totalmente inapropriada e é um tema com o qual não se brinca, ainda mais Silvio Santos tendo origem judaica. Tenho certeza que ele não fez isso com a intenção de macular a questão do nazismo ou como uma manifestação de ódio, mas é uma brincadeira totalmente inapropriada e sem sentido ", disse ao UOL.

Há determinados temas com os quais não se brinca e o nazismo é um deles. Até porque existem sobreviventes do Holocausto com bastante idade e que se sentem totalmente atingidos por isso

Berkiensztat ressalta que uma declaração como esta, ainda que em um contexto aparentemente de brincadeira, deve ser evitada.

"No momento em que estamos vivendo no mundo discursos de ódio crescentes uma brincadeira como essa acaba suscitando certas reações desnecessárias e que para nós não são positivas", lamenta.

Não é de hoje que o animador se envolve em polêmicas em seu programa. Em uma das mais recentes, ele virou alvo dois inquéritos, do Ministério Público do Trabalho (MPT) em São Paulo e da Promotoria de Justiça de Osasco, por promover o concurso Miss Infantil, o que gerou vários protestos.

"Nos últimos tempos Silvio Santos tem feito brincadeiras um pouco mais polêmicas e sem filtro, mas isso acaba afetando uma parcela da população que sofreu com o nazismo", disse o presidente executivo FISESP.

A saudação "Heil Hitler" era feita pelos simpatizantes de Adolf Hitler e pode ser traduzida como "Salve Hitler". "Ela era feita quando Hitler passava e se tornou o símbolo do nazismo", diz Berkiensztat.

Procurado pela reportagem, o SBT disse que não comentaria o caso.

Assista ao vídeo em que Silvio Santos diz a saudação "Heil Hitler" (12min30s):

Apologia ao nazismo?

O advogado criminalista Luciano Santoro, doutor em Direito Penal pela PUC (SP) e professor universitário, sustenta que Silvio Santos não fez apologia ao nazismo ao reproduzir a saudação de Hitler.

"Não vejo essa conduta como apta a caracterizar o dolo necessário para configuração de uma apologia ao nazismo e certamente não se enquadra no crime previsto no §1º do art 20 da Lei Caó, que prevê 'fabricar, comercializar, distribuir ou veicular, símbolos, emblemas, ornamentos, distintivos ou propaganda que utilizem a cruz suástica ou gamada, para fins de divulgação do nazismo'", afirma.

Apesar disso, Santoro diz que foi uma brincadeira infeliz do apresentador pois "ofende milhares de vítimas diretas e indiretas do nazismo, mas longe de caracterizar conduta apta à sua instigação".

Entenda o caso

Silvio Santos se expressou com a saudação nazista durante o quadro Perguntas para o Auditório, em que dá prêmios em dinheiro a quem acerta as questões feitas pelo apresentador.

No quadro, uma das questões ao público foi: "Como se chama o pai de Adolf Hitler?" (veja abaixo a partir de 12min30s). A resposta correta seria Alois. Sem a plateia saber, Silvio começou a instigar as participantes. "Como se chama o pai do Adolf Hitler? Ninguém sabe? Ninguém sabe? Adolf Hitler? Heil, Hitler. Heil Hitler", disse ele.

Uma das pessoas da plateia se aproximou do microfone e disse: "Alois Hitler". Silvio responde: "Alois? Alô, Hitler! Como vai, alô, Hitler". E a mandou embora - sem lhe dar o acerto.

A questão acabou com uma vencedora inesperada e muitos risos quando uma mulher respondeu: "É o capeta. Acho que é o capeta, é o demônio". Ela levou os R$ 50. No Twitter, muita gente desaprovou o comportamento de Silvio Santos, apontando inclusive que o dono do SBT é judeu.

Famosos