PUBLICIDADE
Topo

Televisão


"ForBBBes": Descubra quem venceu o Big Brother e ficou pobre (ou mais rico)

Dhomini, Diego Alemão e Rafinha, três campeões do Big Brother Brasil, reality show da Globo - Divulgação/TV Globo
Dhomini, Diego Alemão e Rafinha, três campeões do Big Brother Brasil, reality show da Globo Imagem: Divulgação/TV Globo

Paulo Pacheco

Do UOL, em São Paulo

22/12/2019 04h00

Falta menos de um mês para o início de mais um Big Brother Brasil. O BBB20, que tem estreia prevista para 21 de janeiro na Globo, encherá de dinheiro os bolsos de um novo brasileiro, como os campeões das temporadas anteriores. Muitos vencedores souberam multiplicar a grana e tornaram-se investidores. Outros, porém, caíram em golpes e perderam tudo.

O BBB paga R$ 1,5 milhão ao vencedor desde 2010, na edição vencida por Marcelo Dourado. Este foi o segundo reajuste no prêmio final, que permanece inalterado. Após as quatro primeiras temporadas entregarem R$ 500 mil a cada vitorioso, Jean Wyllys, no BBB5, sagrou-se o primeiro milionário do reality show.

Quem ficou pobre? Quem ficou mais milionário? Como está o ranking da Forbes (revista que lista os homens mais ricos do mundo) do BBB (ou seria ForBBBes?). Com a palavra, os próprios campeões:

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Kleber Bambam (BBB1)

Multipliquei o prêmio por dez. R$ 500 mil eu tinha de carro, porque eu tinha uma Porsche. Falo para as pessoas saberem que estou bem, não por arrogância. As pessoas devem saber girar o dinheiro, porque se girar errado...

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Rodrigo Cowboy (BBB2)

Eu recebi o dinheiro 30 dias após o programa, tirei tudo do banco. Peguei esse dinheiro e comprei mil bezerros, na época custavam R$ 350 reais cada. E paguei dois anos de aluguel de uma fazenda. Aí foi onde gastei tudo. Não esbanjei, só que deixei nas mãos de terceiros, não cuidei pessoalmente. tive que vender metade do meu gado para quitar a dívida do banco,. Em 2008, o dinheiro acabou. Hoje, nem conta no banco eu tenho

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Dhomini (BBB3)

Fiz alguns investimentos, errei algumas vezes, acertei outras, tenho uma casa confortável hoje, mas não vivo mais do prêmio, ele circulou. Homem não vive de prêmio, vive de renda. Fica a dica para quem virá depois. Há quatro anos, aprendi a fazer isso. Hoje, eu vendo cosméticos e trabalho com marketing de rede. Levo uma vida muito melhor do que quando eu saí do Big Brother

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Cida (BBB4)

Conheci uma pessoa, que se dizia assessora, e ela pediu para ser fiadora de uma casa dela no Recreio [Rio]. Essa pessoa não pagou o aluguel da casa em que ela estava. Me colocaram na Justiça, negociei com a dona da casa. Gastei um dinheirão na reforma da casa da mulher. E o acordo dela foi tirar meu nome do processo. Gastei o dinheiro todo que tinha e ela não tirou. Fiz a reforma e ela agiu de má-fé

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Jean Wyllys (BBB5)

Jean Wyllys nunca revelou como usou o prêmio de R$ 1 milhão do BBB5.

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Mara (BBB6)

Via esse dinheiro como um capital de giro, que eu precisava movimentar para poder mudar de verdade a minha história. Se eu fosse viajar, comprar roupa, gastar, hoje estaria sem nada. Peguei o prêmio para trabalhar. Hoje faço o meu próprio horário. Minha vida mudou, e para melhor. Calculo que meus bens hoje estão avaliados de R$ 5 a R$ 6 milhões. Moro numa casa de praia, com três dormitórios, piscina, banheira de hidromassagem, energia solar e área para churrasco. É bem confortável, uma casa dos sonhos

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Diego Alemão (BBB7)

O prêmio do BBB não foi muito perto do que ganhei quando saí. Minha conta era de R$ 15 mil negativos e ganhei R$ 1 milhão. Quando saí, fui trabalhar, peguei um boom bem forte, comecei a rodar. Fui bem, investi em imóvel, ainda construo, compro coisas em leilão, administro a empresa da família, temos uma assistência técnica em São Bernardo do Campo

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Rafinha (BBB8)

Investi em imóveis, estúdio de música, tenho um estúdio d tatuagem em Campinas, viajei bastante e gastei com a namorada

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Max Porto (BBB9)

Gastei tudo, porque tinha muita coisa para resolver. Dinheiro serve para resolver os problemas. Dinheiro é para se viver. É importante fazer o que tem que ser feito, ajudar quem tem que ser ajudado, e tirar um pouco da grana para curtir também, porque a gente merece

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Marcelo Dourado (BBB10)

Muita gente diz: 'Já se aposentou?', não sabe o valor de um apartamento na Barra da Tijuca [Rio]. Nos últimos três anos, eu investi na minha carreira de atleta, porque não tenho patrocínio. Foi um investimento muito bom, consegui grandes resultados

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Maria Melilo (BBB11)

Comprei meu apartamento em São Paulo, investi em imóveis e guardei uma parte. Cuido bem do meu dinheiro

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Fael (BBB12)

Comprei duas fazendas e montei um centro de capacitação para veterinários e agrônomos. Nunca pensei em parar de trabalhar. A diferença agora é que eu trabalho para mim mesmo. Não tenho mais patrão

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Fernanda Keulla (BBB13)

Meu pai administra. Investi na educação da minha irmã, que se formou agora, é médica, e reformei a casa do meu pai na minha cidade, Carmópolis de Minas [Minas Gerais]

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Vanessa Mesquita (BBB14)

Não gastei nada, coloquei em fundo de investimento e estou reaplicando sempre. Em 2014, trabalhei muito, montei minha clínica veterinária, comprei uma casa com os eventos de que participei e posei para a 'Playboy'

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Cezar Lima (BBB15)

Construí uma casa para minha mãe, casei, tive filho, passei na OAB... O BBB foi o pontapé que acelerou essas concretizações. Acho que sou o ex-Big Brother mais seguro da face da Terra. O objetivo é caminhar até a velhice e morrer com R$ 1,5 milhão corrigido com a inflação

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Munik Nunes (BBB16)

Dei a metade do prêmio para meus pais. Invisto meu dinheiro em empresas e em bancos

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Emilly Araújo (BBB17)

Eu travei boa parte. Outra parte eu gastei, ajudei a minha família. Hoje eu vivo do meu trabalho, graças a Deus

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Gleici Damasceno (BBB18)

Comprei a casa para minha mãe e a outra parte está investida.

Montagem/UOL
Imagem: Montagem/UOL

Paula (BBB19)

Paula prometeu ajudar a família e Hariany, sua amiga dentro do BBB19, mas não revelou o que fez com o prêmio depois que venceu o reality show.

Televisão