PUBLICIDADE
Topo

Danni Suzuki aprende a atirar após série e se diz segura para usar arma

Danni Suzuki em cena de Arcanjo Renegado - Carlos Fofinho/ Divulgação/ Globo
Danni Suzuki em cena de Arcanjo Renegado
Imagem: Carlos Fofinho/ Divulgação/ Globo

Rafael Godinho

Do UOL, no Rio

13/02/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Danni Suzuki vive a PM Luciana na série policial Arcanjo Renegado do Globoplay
  • A atriz passou por um treinamento militar com o bope para dar vida à personagem
  • A artista descobriu ter boa pontaria e gostou de atirar
  • Danni diz ter se sentido mais segura ao portar uma arma
  • A atriz não é contra as pessoas obterem o porte de arma de fogo

Danni Suzuki somou mais um hobbie a sua vida: atirar. A atriz, que faz balé, capoeira, artes marciais e surfa, se encantou por armas ao fazer um treinamento militar para interpretar a PM Luciana, na série policial Arcanjo Renegado, do Globoplay. Ao UOL, ela revelou ter habilidade para o tiro e se mostrou a favor do porte de arma de fogo para segurança própria.

"Tenho ótima pontaria. Dá uma sensação de segurança. Hoje, sinto que a qualquer momento, se eu precisar usar, não vou ficar com medo de pegar e atirar. Sei quais são as posições de segurança. O negócio vicia um pouco. Você acaba gostando", declara.

O único receio da artista era de apertar o gatilho na hora errada, quando estava fazendo o laboratório para o seu papel.

"Tinha muito medo de fazer os movimentos e atirar sem querer. Foi bem difícil no começo. A gente marcava tempo de montagem e desmontagem da arma. Depois, na aula de tiro, fiquei um pouco de medo também porque senti o recuo da arma", relembra.

Danni Suzuki aprendeu a atirar para atuar em Arcanjo Renegado - Reprodução/ Instagram - Reprodução/ Instagram
Danni Suzuki aprendeu a atirar para atuar em Arcanjo Renegado
Imagem: Reprodução/ Instagram
"Depois que eu dominei, comecei a gostar. Quando você não tem mais medo e já tem o controle da arma, você já quer começar a curtir a onda de atirar. A munição acaba, e você começa a ficar rápida na troca. Nas primeiras vezes, ficava preocupada quando ia acabar, contando os tiros", completa.

Na trama, de José Junior, com direção geral de Heitor Dhalia, Danni vive a capitã da Polícia Militar e chefe do posto policial de Miracema, cidade do interior para onde o protagonista Mikhael (Marcello Melo Jr.) é transferido.

A atriz teve aulas com o Bope. "Fiz muito treinamento de posicionamento, de como entrar na favela, se posicionar, abaixar, desarmar alguém", detalha Suzuki, que acredita ter tido facilidade para aprender rápido as técnicas devido às outras atividades físicas praticadas por ela.

"O balé sempre me ajudou muito em todo trabalho de corpo que faço e continua me ajudando. As lutas também. O surfe me deu equilíbrio. Acho que todo esporte ajuda bastante na consciência corporal", opina.

Danni pretende levar as aulas de tiro adiante. "Não vejo problema nenhum. Inclusive, quero continuar meu curso, para continuar atirando. Se precisar atirar em qualquer outro trabalho, já vou ter esse diferencial. Acho importante o ator fazer um pouco de tudo", aconselha.

Danni Suzuki ao lado de Marcello Melo Jr. e colegas de elenco em Arcanjo Renegado - Reprodução/ Instagram - Reprodução/ Instagram
Danni Suzuki ao lado de Marcello Melo Jr. e colegas de elenco em Arcanjo Renegado
Imagem: Reprodução/ Instagram
Ao ser questionada se ela teria uma arma para defesa pessoal, a atriz não vê necessidade, mesmo sendo favorável a permissão do porte.

"Não sinto muita necessidade de ter, mas não sou contra, porque a gente tem a mentalidade de que qualquer pessoa pode sair com uma arma na rua. E não é assim. Você tem que fazer um curso muito intenso, passar em um teste psicológico. É caro demais. Por questão de segurança, vou te falar que eu me sinto mais segura, se eu precisar", justifica.

Danni acha que a população é mal informada sobre o assunto. "Não é como no filme. As pessoas estão completamente enganadas. Estamos lidando com vidas de verdade. Você tem que ter consciência de que é uma arma e que você pode machucar ou matar alguém", reforça.

Danni Suzuki na festa de lançamento de Arcanjo Renegado - Reprodução/ Instagram - Reprodução/ Instagram
Danni Suzuki na festa de lançamento de Arcanjo Renegado
Imagem: Reprodução/ Instagram
Mesmo tendo boa pontaria, ela afirma não ter coragem de atirar em outra pessoa. "Por mais que eu saiba atirar, eu não tiraria a vida nem de um bicho. Sou vegetariana. É uma outra questão, você precisar em uma emergência e você ter por prazer de atirar ou tirar a vida de alguém", pondera.

Para a atriz, o porte de armas não é um tabu. Danni trata o assunto com naturalidade com o filho, Kauai, de 8 anos.

"Ele pediu para ver o treinamento e adorou. O major mandava a gente treinar em casa. Eu ia buscar uma água na cozinha e ia com a arma no corredor. Ele pegou a minha arma de treino, que não é uma arma de verdade. Chegou a ir comigo no airsoft, mas ele entende que ainda é pequeno para isso. Mas menino, criança, ele já ficou imaginando um super-herói", diz.

Danni Suzuki e o filho, Kauai - Reprodução/ Instagram - Reprodução/ Instagram
Danni Suzuki e o filho, Kauai
Imagem: Reprodução/ Instagram
Enquanto a mamãe está no Brasil para cumprir os compromissos profissionais, o garoto está em Orlando, nos Estados Unidos, com a família da atriz.

"Quando ele está lá, ele prefere lá. Quando ele está aqui, ele prefere aqui. Agora, ele está lá e disse que não vai voltar e justificou: 'A água do Rio de Janeiro não está com problema? Acho melhor ficar aqui'. Ele tem só 8 anos, mas é inteirado de tudo", conta.

Danni se mudou para a Califórnia para investir na carreira internacional. "Vivo entre lá e aqui, na ponte aérea. Atualmente, falo que minha casa é dentro de mim. Consegui matricular o Kauai lá e aqui. Ela já fala inglês fluentemente, também surfa, joga capoeira, faz jiu-jitsu e quer fazer teatro, mas nos Estados Unidos", orgulha-se.

Arcanjo Renegado bate recorde de audiência do Globoplay

Arcando Renegado abre um caminho de sucesso para produção séries policiais brasileiras. A trama teve a melhor estreia de todos os tempos do Globoplay. Só nos três primeiros dias teve mais de 360 mil horas consumidas e 1,1 milhão de videoviews. Até domingo, o consumo em horas foi 4% superior a Manifest e 17% a Hospital New Amsterdam, séries gringas presentes no catálogo na plataforma de streaming.

Festa de lançamento de Arcanjo Renegado

TV e Famosos