PUBLICIDADE
Topo

Televisão

Coronavírus: Jornalista Marcelo Magno é curado e recebe alta após 12 dias

Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

Yala Sena

Colaboração para UOL, em Teresina

27/03/2020 15h12

O jornalista e apresentador, Marcelo Magno, 37, teve alta médica nesta sexta-feira (27) e o hospital Medimagem, em Teresina (PI), anunciou que ele está curado do coronavírus.

Marcelo Magno, que apresentou o Jornal Nacional no dia 7 deste mês, passou 12 dias internado, chegando a ir a UTI e respirando com ajuda de aparelhos, devido as complicações pela Covid-19.

A mulher do apresentador, Swellen Barbosa, informou a UOL que Marcelo Magno passa bem, respira sem dificuldade e os sintomas passaram.

"Estamos muito felizes, aliviados e agradecidos com tantas manifestações de apoio e orações. Ele acaba de receber alta do hospital e passa bem. A primeira coisa que ele quer fazer ao chegar em casa é abraçar o filho de 1 ano", disse Swellen Barbosa. Ela conta que foram dias de incertezas, mas tinha fé que ele iria se recuperar.

"Lá em casa ficamos todos isolados, sem nenhum sintoma e seguindo todas as orientações. Após ele sair da UTI foi realizado novo exame e deu negativo e curado do coronavíris", disse a mulher do jornalista.

Segundo ela, Marcelo Magno foi curado usando uma associação de medicamentos como hidroxicloroquina e azitromicina.

Marcelo Magno informou em vídeo que acredita ter contraído a doença no aeroporto internacional de São Paulo onde ficou por cinco horas, aguardando conexão. No início do mês, ele foi ao Rio de Janeiro para apresentar o Jornal Nacional.

Em Teresina, com o teste positivo de Marcelo Magno, toda equipe de jornalismo da TV Clube, afiliada da rede Globo no Piauí, ficou de quarentena. Além de Magno, três profissionais da TV testaram positivos.

Exame de coronavírus do jornalista Marcelo Magno - Arquivo pessoal - Arquivo pessoal
Imagem: Arquivo pessoal

No Estado, já são 9 pessoas confirmados com a Covid-19 e 190 sendo investigados.

O médico Marcelo Burlamarque Nunes, diretor médico do grupo Medimagem informou que o último teste no jornalista deu negativo para a Covid-19.

"Isso significa que o vírus não foi detectado, que o tratamento evolui bem e é considerado curado. Seguimos todos os protocolos da Organização Mundial da Saúde (OMS). Ele está com o quatro clínico estável, com sinais vitais normais, respirando normalmente e fará o tratamento de casa", disse o médico, que acompanhou o apresentador.

Sobre o uso dos medicamentos hidroxicloroquina e azitromicina, Marcelo Burlamarque disse que é preciso de estudos e que no tratamento do jornalista ajudou bastante.

Televisão