PUBLICIDADE
Topo

'Está disposta a passar por cima de todo mundo', diz Prior sobre Gizelly

Felipe Prior durante entrevista com na Rede BBB - Reprodução/GloboPlay
Felipe Prior durante entrevista com na Rede BBB Imagem: Reprodução/GloboPlay

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/04/2020 02h15

Após ser eliminado do BBB 20, com 56,73%, Felipe Prior foi entrevistado por Fernanda Keulla na Rede BBB, programa exibido na plataforma GloboPlay, na madrugada de hoje. Na conversa, o arquiteto falou sobre sua trajetória no jogo, seus arrependimentos e não titubeou ao alfinetar Gizelly, suas principal rival no reality show, descartando a possibilidade de beijá-la novamente no confinamento: "Ela é muito doida. Eu achava que poderia me atrapalhar, o jeito dela, as atitudes dela".

Ela fala muita besteira, ela fala muita besteira, a Flay também fala, mas ela fala muita besteira em relação ao jogo. Ela está disposta a passar em cima de todo mundo para ganhar o programa, de verdade", continuou o eliminado da semana.

Prior também comentou sobre uma de suas estratégias e um possível arrependimento: não ter indicado a capixaba na primeira vez em que ele teve a chance de contragolpear e apontar um nome para o paredão: "Olhava quem estava com mais medo na hora, só que de verdade, eu me arrependi. Naquele contragolpe que eu coloquei a Ivy, poderia ter colocado a Gizelly e ela talvez tivesse saído".

Em outro momento da entrevista, quando Prior precisou avaliar os participantes que ainda restam na casa, o arquiteto foi categórico quando Keulla perguntou se existia algum participante que ele não gostaria de ver "nem pintando de ouro": "Sendo bem sincero? A Gizelly, porque tem um negócio que se chama jogo e tem outro negócio que se chama vitimismo. Ela é o tipo de pessoa que vai fazer o que for necessário para ganhar R$ 1,5 milhão. Big Brother é uma grande oportunidade de crescimento e ela leva como sendo algo que vai destruir a carreira dela, não existe isso. Só tende a ter crescimento, se você se mostrar uma pessoa boa".

Sobre Marcela, aliada de Gizelly no jogo, Prior comentou que a vê como uma pessoa verdadeira, mas ressaltou que desconfiava quando a ginecologista usava as conversas que tinha com ele para prejudicá-lo. Além disso, ele explicou que a entrada de Daniel e Ivy pode ter prejudicado a sister, por conta das informações privilegiadas que dupla trouxe para o confinamento: "Colocou ela em um patamar que pode atrapalhá-la, no sentido de ela achar que já ganhou o jogo".

Outra sister que não escapou da avaliação do arquiteto foi Mari, uma de suas oponentes no paredão: "Eu não tenho nada contra ela, só tenho contra o jogo dela. Ela chora muito, às vezes eu achava que parecia ser falso, mas ai conversando com a Flay eu vi que era verdadeiro, ela é muito sentimental". Quando perguntado sobre quem ele achava que seria o próximo eliminado do programa, Prior revelou: "A Flay. Ela confia nas pessoas, é fácil induzi-la, vamos dizer assim Quero deixar o meu apoio para ela, se possível".

Especial BBB20