PUBLICIDADE
Topo

Rafa não se arrepende de briga com Flay no BBB 20: 'Não me excedi'

Rafa Kalimann participa do "Encontro com Fátima Bernardes" - Reprodução/Globoplay
Rafa Kalimann participa do 'Encontro com Fátima Bernardes' Imagem: Reprodução/Globoplay

Do UOL, em São Paulo

29/04/2020 11h07

Rafa Kalimann disse que não se arrepende da briga com Flayslane, que gerou diversos memes durante sua participação no "BBB 20". Convidada do "Encontro com Fátima Bernardes" de hoje, ela disse que mudou de opinião ao rever a discussão.

"Quando a gente foi ver a retrospectiva, que o Ti [Tiago Leifert, apresentador do programa] mostrou no último dia, eu fiquei me martirizando. Eu falei: 'Meu Deus, eu não deveria ter feito isso. Vou chegar em casa e minha mãe vai me dar bronca'", contou ela.

"Quando ele passou a briga inteira, no entanto, eu falei: 'Peraí, mas eu não me excedi não. Eu falei o que eu estava pensando. É isso aí mesmo'", completou.

Na briga em questão, Rafa taxou a companheira de reality de "incoerente", "sem educação", "falsa" e diversos outros adjetivos negativos. Ela ainda termina o "sermão" com: "É isso".

A ex-participante do "BBB" contou que, no fim das contas, as "broncas" da mãe vieram por outros motivos. "Ela ficou brava porque eu não troquei de roupa embaixo do edredom. Eu falei: 'Mãe, eu sou muito grande para o edredom'", brincou.

Origens

Rafa também comentou sobre o momento em que ficou magoada com colegas de reality show, especialmente Gizelly, que disseram que ela não precisava do dinheiro do prêmio do "BBB 20".

Ela frisou as origens humildes de sua família, e admitiu que hoje está mais tranquila em relação ao dinheiro. "Eu tenho uma condição financeira melhor hoje, mas é com muito suor, muito esforço", disse.

"Eu entendi que ela [Gizelly] não falou de um lugar de maldade. Ela era desbocada, ela falava mesmo. Mas isso podia pesar, as pessoas podiam interpretar de um jeito diferente. Não é assim que as coisas funcionam", comentou ainda.