PUBLICIDADE
Topo

Paulo Coelho rebate crítica sobre presente luxuoso: 'Comunista de Jaguar'

Paulo Coelho e a mulher, Christina Oticica - Reprodução/Instagram
Paulo Coelho e a mulher, Christina Oticica Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

09/07/2020 19h42

Na tarde de hoje, Paulo Coelho compartilhou em suas redes sociais que presenteou sua mulher, a artista plástica Christina Oticica, com um artigo bastante luxuoso para celebrar os seus 40 anos de casamento: um Jaguar F-Type Roadster vermelho, com preços a partir de R$ 450 mil. A atitude do escritor, no entanto, rendeu controvérsia na internet. Autor de "O Alquimista", ele não deixou os comentários passarem batidos.

Nos comentários da publicação a respeito do presente, um seguidor escreveu: "E vem cagar regras socialistas para a população brasileira. Além de péssimo escritor, é um hipócrita."

Em tom de brincadeira, Paulo Coelho fez outra publicação a respeito do tema. "Tive um upgrade: de 'comunista de iPhone' para 'comunista de Jaguar'", comentou.

Paulo Coelho atualmente está radicado na Suíça. Quando ainda no Brasil, segundo reportagem da Folha, o autor foi preso e torturado no lugar de um militante de esquerda quase homônimo, filiado ao extinto Partido Comunista Brasileiro Revolucionário (PCBR), chamado Paulo Coelho Pinheiro.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado no último parágrafo do texto, o autor Paulo Coelho não pertenceu ao Partido Comunista Brasileiro Revolucionário (PCBR). A informação foi corrigida.

Famosos