PUBLICIDADE
Topo

Groisman relembra dia em que "matou" pai vivo de convidado no 'Altas Horas'

Serginho Groisman participando do programa "Sterblitch não tem um talk show: o Talk Show" - Reprodução / TV Globo
Serginho Groisman participando do programa "Sterblitch não tem um talk show: o Talk Show" Imagem: Reprodução / TV Globo

Do UOL, em São Paulo

26/07/2020 10h36

Apresentador de TV há mais de 30 anos, sendo 20 deles na Globo, Serginho Groisman tem ótimas histórias para contar. Em conversa com Eduardo Sterblitch no programa "Sterblitch não tem um talk show: o Talk Show", o apresentador do "Altas Horas" relembrou algumas gafes que cometeu na carreira.

A mais marcante delas envolveu uma confusão com o pai de um músico, que não teve o nome revelado. Na ocasião, Groisman achou que ele havia morrido e se confundiu na fala.

"Talvez uma das maiores gafes que cometi foi que havia morrido o baterista de uma banda e o filho dele veio tocar depois no programa. Eu agradeci e mandei o beijo para o pai, 'onde ele estivesse'. E o filho falou. 'Ele está em casa, vendo o programa nesse momento'. Não tinha morrido", brincou.

"Às vezes as pessoas me lembram de umas que não lembro mais. Eu esqueço muito o nome dos convidados quando volta o comercial. É inevitável", acrescentou o apresentador.

Serginho Groisman está no comando do "Altas Horas" desde outubro do ano 2000.

Televisão