PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Cássia Kis diz que perdoa homem que a assediou quando tinha 11 anos

Cassia Kis diz ter sofrido assédio três vezes na vida - Dia Dipasupil/Getty Images
Cassia Kis diz ter sofrido assédio três vezes na vida Imagem: Dia Dipasupil/Getty Images

Colaboração para o UOL, em Santos

28/10/2020 07h24

Cássia Kis diz que perdoa o dentista que a assediou sexualmente quando ela tinha 11 anos. No entanto, ela afirma que o assediador deve "acertar as contas" do que fez.

"Eu perdoo. Posso perdoar, mas a pessoa que fez vai acertar as contas com algum lugar", disse, em entrevista ao jornal O Globo, a atriz, que diz entender a importância de falar sobre o assunto.

"Tenho a experiência de que o amor pode tudo. Com afeto, a gente salva o outro. Quem ama enxerga mais longe, se esforça. E os erros são necessários. Só não erra quem fica de braço cruzado", disse.

Em entrevista recente, Cássia contou que sofreu assédio sexual três vezes na vida. Ela pretende relatá-los em uma autobiografia.

"Tenho vários blocos de anotação aqui em casa. Daqui a pouco eu tiro do papel. Tenho muita história para contar. Sou uma mulher que conhece com muita força as questões do assédio sexual e moral. Fui assediada sexualmente pela primeira vez aos 11 anos, pelo meu dentista. Depois fui assediada mais duas vezes, a mais recente na última década", revelou a atriz, em entrevista à coluna Beira-Mar, da Veja Rio.

Famosos