PUBLICIDADE
Topo

TV e Famosos

Princesa do rodeio de Jaguariúna morre aos 21, após descobrir doença rara

Do UOL, em São Paulo

12/11/2020 09h47

A estudante de Medicina Veterinária Maria Eduarda Catão, conhecida por ser a princesa do Jaguariúna Rodeo Festival 2019, morreu aos 21 anos. De acordo com publicações de familiares nas redes, Maria descobriu há pouco tempo uma doença rara autoimune que atacou o fígado e não resistiu. Segundo a funerária Bom Pastor na cidade do interior paulista, ela morreu na segunda-feira e foi enterrada no dia seguinte.

Adriana, mãe de Maria, publicou nas redes sociais diversos pedidos de oração pela filha e explicou, no dia 30 de outubro, que a jovem tinha uma doença autoimune, mas que estava sendo tratada com medicamentos na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital de Clínicas da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas).

"Nesse momento [Maria] está sendo com tratada com medicamentos e com fé em Deus vai livrar do transplante do fígado e restabelecer toda saúde. Eu creio em nosso Deus. Ela está na UTI da Unicamp e é necessário que esteja dormindo para que não sofra. Tenham fé acredito no Deus do impossível que ele já salvou minha filha. Obrigada de coração a todos que estão nos ajudando nas correntes de oração isso alegra nosso Deus. Eduarda será testemunha viva do milagre eu creio", escreveu.

A organização do rodeio de Jaguariúna publicou uma mensagem nas redes sociais lamentando a morte de Maria Eduarda.

"Você faz parte da nossa história, nossa eterna Princesa. O seu brilho e encanto estará para sempre entre nós! Aos amigos e familiares, desejamos muita luz e conforto. Família JRF."

Na época de votação para o concurso do rodeio, Maria postou fotos dela para pedir o voto dos fãs e agradecer pelo apoio que vinha recebendo.

Quando ganhou o concurso como princesa do rodeio, a estudante de veterinária publicou imagens com famosos no evento e compartilhou um vídeo de uma entrevista que concedeu. Na filmagem, Maria conta que ganhar o concurso e estar ao lado da rainha do rodeio é "uma experiência maravilhosa" e explica que é significativo para ela estar representando a sua cidade no rodeio.

Irmã e amigos lamentam

A irmã da estudante de veterinária, de 14 anos, também publicou uma mensagem emocionante nas redes sociais falando sobre a perda da irmã.

"É... Seu corpo se foi mas sua alma prevalece... Uma pessoa que eu amo tanto. Que eu convivi tanto... Que fez eu ser o que eu sou hoje, somos mais que irmãs, somos almas inseparáveis... Sinto que um pedaço de mim foi arrancado, sinto um vazio enorme coberto por lembranças que nós tivemos... Nem parece real o que está acontecendo... Não imaginava a minha vida sem você do meu lado a todos os momentos... Agora você está no céu onde você merece estar, e não nesse mundo cheio de pecados."

E continuou: "Eu deveria ter aproveitado mais de sua companhia, demonstrado mais o quanto eu te amo... Mas o relógio despertou... E o tempo acabou. Nos veremos um dia, um dia indeterminado... Mas nosso elo é inquebrável... Fique com os anjos enquanto não posso estar com você... Minha querida e incrível irmã, nos vemos depois.., Em um tempo indeterminado, por mais que a única coisa que eu desejo é você do meu lado."

Amigos de Maria também aproveitaram para lamentar a morte da jovem no Instagram, onde a estudante tinha mais de 17 mil seguidores.

"Agradeço a todos que oraram pela Du, ela foi guerreira e não lutou sozinha. Ela agora brilha no céu, onde um dia nos encontraremos. Me falta palavras nesse momento, apenas contamos com suas orações para prosseguir", escreveu uma pessoa.

"A saudade bateu forte por saber que você não vai mais me mandar mensagem e nem responder a última mensagem que te enviei. Por saber que você não está mais aqui para me dar conselhos ou me xingar quando eu estiver errada... Hoje faz exatamente 3 dias que você se foi e eu não consigo parar de pensar em você. Obrigada por ter sido a melhor amiga do mundo", comentou outra.

TV e Famosos