PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Francisco Camargo é enterrado em Goiânia; Zezé acompanha a mãe

Galtiery Rodrigues

Colaboração para o UOL, em Goiânia

24/11/2020 11h54Atualizada em 24/11/2020 20h01

Francisco Camargo, de 83 anos, foi enterrado hoje, às 17h30, em Goiânia. Seu Francisco morreu na noite de ontem em um hospital particular da capital de Goiás. Ele estava internado havia 14 dias, após ser submetido a uma cirurgia de emergência, e sofreu uma parada cardiorrespiratória.

Francisco, pai de Zezé Di Camargo e Luciano, é sepultado em Goiânia

O cortejo foi acompanhado por familiares, amigos e fãs da dupla. Em alguns momentos, pessoas chegaram a cantar músicas famosas dos irmãos Zezé e Luciano, como "É o Amor", mas o silêncio e a tristeza deram o tom da despedida. Mãe da dupla e esposa de Francisco, Helena Camargo deixou o local antes do enterro, bastante abalada. Ao UOL, assessores da família informaram que ela preferiu não acompanhar a despedida. Ela está com 75 anos.

O cantor Zezé Di Camargo chegou por volta das 11h30 ao velório do pai. O sertanejo estava na companhia da mãe, Helena Siqueira de Camargo, da filha mais velha, a cantora Wanessa Camargo e da mulher, Graciele Lacerda. Ele entrou direto para a sala de velório e foi recepcionado por amigos na porta do local.

Além de Zezé, dos filhos de Francisco, já estão no local também Emanoel Camargo e Wellington Camargo. Luciano, irmão e parceiro de Zezé, está em São Paulo e em isolamento, após ser diagnosticado com covid-19. O cantor não viajará a Goiânia e lamentou não poder estar presente no enterro do pai.

O velório começou às 10h no Cemitério Jardim das Palmeiras e é restrito a familiares e amigos. Por volta das 16h, houve uma celebração. Acompanhado da dupla Di Paullo e Paulino, Zezé entrou tocando "É o Amor" em um acordeão, mas logo se sentou e precisou ser amparado por familiares.

A dupla cantou a música "Hino de Reis", fez homenagem a Francisco Camargo e, ao fim, Zezé se aproximou do caixão, por menos de um minuto. Ele não conseguiu ficar perto e se afastou, sendo levado pelas filhas, Camila e Wanessa, para uma sala nos fundos da capela.

Dona Helena deixou o cemitério pouco antes das 17 horas, horário previsto para o enterro.

'Exemplo de humildade e amor'

Wesley Camargo, de 31 anos, filho de Luciano, destacou o companheirismo do avô. Segundo ele, Francisco sempre o ajudou. "Morei com ele três anos da minha vida, no momento mais difícil. Fica o exemplo de humildade, simplicidade e amor. Ele nunca desistiu de ninguém", disse.

Os sertanejos Di Paullo e Paulino chegaram juntos e destacaram a amizade da família. "Agradecemos pelo carinho que sempre teve conosco. Fica aqui nossa eterna gratidão à família Camargo", expressou Di Paullo.

A dupla ainda prestou homenagem à Francisco ao executar duas canções durante o velório.

Francisco fez sucesso nos cinemas

O incentivo à carreira dos filhos foi retratado no filme "Dois Filhos de Francisco" (2005), que mostra os primeiros esforços de Francisco para fazer a dupla tocar nas rádios. Ele distribuía fichas telefônicas na obra em que trabalhava para que os colegas ligassem nas estações e pedissem a música "É o Amor", primeiro sucesso da dupla.

"Quinze anos depois, '2 Filhos de Francisco' mantém sua posição como um dos grandes fenômenos do cinema brasileiro. Mais ainda: nestes tempos estranhos, é um filme que reafirma a determinação do homem comum e de como seu esforço é capaz de mudar vidas", comentou o crítico de cinema de Splash, Roberto Sadovski.

De acordo com o colunista de Splash Pedro Antunes, sem o Seu Francisco, "gente como Gusttavo Lima, Marília Mendonça, Jorge & Mateus não seriam os nomes mais populares da música da atualidade".

Famosos