PUBLICIDADE
Topo

Famosos

George Clooney diz que a esposa Amal mudou sua vida

George Clooney e a esposa, Amal Clooney - Getty Images
George Clooney e a esposa, Amal Clooney Imagem: Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

30/11/2020 09h03

Em entrevista ao programa "CBS Sunday Morning" para promover seu novo filme 'The Midnight Sky', George Clooney falou sobre seu casamento com a advogada Amal Clooney, com quem tem os gêmeos Alexander e Ella, de 3 anos.

O ator de 59 anos revelou que a esposa mudou sua vida. "Não há dúvida de que ter Amal em minha vida mudou tudo para mim", disse ele. "Foi a primeira vez que tudo o que ela fez e tudo sobre ela foi infinitamente mais importante do que qualquer coisa sobre mim. E então tivemos esses dois pestinhas", brincou ele sobre seus filhos. "É muito gratificante e algo que eu não estava... não esperava".

Clooney e Amal se casaram em 2014 em uma luxuosa cerimônia italiana pouco mais de um ano depois de se conhecerem. Ele contou que inicialmente não tinham planos de casamento - ou filhos. "Nunca conversamos sobre casamento quando namoramos", disse ele. "Eu perguntei a ela do nada, demorou muito para ela dizer sim. Fiquei de joelhos por uns 20 minutos e finalmente disse: 'Olha, vou jogar meu quadril fora'".

"Nunca conversamos sobre ter filhos, e então um dia apenas dissemos: 'O que você acha?'", disse. "Fomos ao médico e fizemos o ultrassom. Eles falaram tipo, 'Você terá um menino!' e eu disse: 'menino, fantástico!'. E então eles disseram, 'E você tem outro aí'. Eu estava pronto para um. De novo, estou velho. De repente, são dois. É difícil me fazer parar de falar e eu só fiquei ali por cerca de 10 minutos apenas olhando para este pedaço de papel e perguntando: 'O quê? Dois?'".

No entanto, o ator disse que agora está muito feliz pelos gêmeos terem um ao outro. "É inacreditável", disse ele. Clooney também falou sobre a vida durante a pandemia de coronavírus. "Já faz um tempo que eu não lavava 15 montes de roupa em um dia e esfregava o chão e todas essas portas aqui que eu manchei", disse o vencedor do Oscar. "Sempre digo que me sentia como minha mãe em 1964, porque ela tinha dois filhos e nenhuma ajuda. Não sei se ela fez isso agora, tenho empatia por ela agora mais do que nunca".

Famosos