PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Neil Patrick Harris defende que heterossexuais interpretem personagens gays

Reprodução
Imagem: Reprodução

Colaboração para o UOL, no Rio de Janeiro

21/01/2021 18h29

Neil Patrick Harris recentemente comentou sobre o polêmico assunto a respeito de pessoas heterossexuais interpretando personagens homossexuais na TV e no cinema. Em entrevista ao jornal The Times, o ator, que se assumiu gay em 2006, revelou que acha "sexy" quando tal escalação controversa acontece.

De acordo com o astro de "How I Met Your Mother", os diretores deveriam contratar "o melhor ator", independente da orientação sexual. "Acho que há algo sexy em escolher um ator heterossexual para interpretar um papel gay - se eles estiverem dispostos a investir muito nisso", disse.

A conversa veio à tona enquanto Neil Patrick Harris falava sobre seu novo personagem Henry Coltrane na série "It's a Sin", que acompanha um grupo de jovens gays que se mudaram para Londres no auge da epidemia de AIDS na década de 1980.

Recentemente, o criador da atração, Russell T. Davies, falou sobre a escolha do elenco de "It's a Sin", afirmando que dava preferência a atores gays, uma vez que estariam alinhados aos personagens que viverão na série.

"Você não escolheria alguém fisicamente apto e colocaria em uma cadeira de rodas, você não tornaria alguém negro. A autenticidade está nos levando a lugares alegres", disse.

No entanto, Harris, que interpretou o personagem heterossexual Barney Stinson na comédia "How I Met Your Mother", sentiu que essa linha de pensamento impedia os atores LGBTQ+ de receber papéis fora de suas realidades.

"Eu interpretei um personagem por nove anos que não era nada como eu", disse. "Eu definitivamente gostaria de contratar o melhor ator. Em nosso mundo em que vivemos, você não pode realmente, como diretor, exigir [que um ator seja gay ou hetero]. Quem pode determinar o quão gay alguém é?", concluiu.

Famosos