PUBLICIDADE
Topo

Famosos

Carlos Villagrán fala sobre affair com Florinda Meza: 'Não durou nada'

Carlos Villagrán e Florinda Meza: atores tiveram um caso durante as filmagens de "Chaves" - Reprodução/Instagram
Carlos Villagrán e Florinda Meza: atores tiveram um caso durante as filmagens de "Chaves" Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

28/01/2021 09h56

Carlos Villagrán, intérprete de Quico na clássica série mexicana "Chaves", deu uma entrevista ao programa "Intratables", na Argentina, e falou sobre sua relação com Florinda Meza, que dava vida a Dona Florinda no mesmo seriado.

Segundo Villagrán, o romance começou quando o carro de Florinda quebrou. "Um dia ela estava com o carro na oficina e me pediu uma carona. Depois ela me convidou para ir até a casa dela, me convidou para jogar uns jogos e bem, todos já sabem", começou o ator de 77 anos, que foi anunciado recentemente como pré-candidato a governador do estado de Querétaro, também no México.

Na sequência, ele afirmou que o affair não durou muito tempo. "Foi difícil de acreditar, porque o convite partiu dela, ela me pediu a carona, ela me convidou para a casa dela e tudo mais, mas foi tudo muito breve, não durou nada".

Villagrán destacou que, quando quis terminar o namoro com Florinda sem prejudicar a relação profissional dos dois, já que trabalhavam juntos, pediu ajuda a Roberto Gómez Bolaños, criador de "Chaves" — ele próprio iniciaria um romance com a atriz, com quem se casou tempos depois.

"Ele me disse, 'fique na sua' e tudo mais. Ele não precisou interceder, eu pedi ajuda e conselho, disse para ele: 'Olha, isso é muito pesado para mim, é uma posição que não gosto'. E ele me disse: 'Encerre isso agora porque ainda temos que gravar hoje'", relembrou.

Quico político

Sobre sua decisão em entrar para a política, Villagrán comentou: "As pessoas me procuraram pela popularidade do personagem. Já estamos com 50 anos com "Chaves". Como há a vantagem de que todos me conhecem, e estou em Querétaro há quarenta anos, eu fui encorajado também", explicou. O ator aproveitou para criticar o presidente do México, Andrés Manuel López Obrador.

"Há dúvida sobre se ele testou mesmo positivo para covid, não se sabe se há um plano por trás disso. Em qualquer caso, se for verdade, é importante desejar-lhe uma rápida recuperação. No manejo da pandemia ele não agiu corretamente, pensava-se que seria muito mais fácil", disse Villagrán, que já negou a pandemia e afirmou que ela era, na verdade, uma conspiração da Maçonaria com Bill Gates.

Errata: o texto foi atualizado
Diferentemente do informado anteriormente, a America TV é uma emissora argentina, e não mexicana. A informação já foi corrigida.

Famosos