PUBLICIDADE
Topo

Mc Kevin presta depoimento e diz que ofensas a policiais foram 'imaturas'

Do UOL, em São Paulo

03/02/2021 20h03

Mc Kevin compareceu hoje ao 20º Distrito Policial da Água Fria, na Zona Norte de São Paulo, para prestar esclarecimentos sobre as ofensas a policiais militares que ele publicou em seu Instagram.

Em entrevista à TV Globo, que foi ao ar no telejornal SP2, a advogada do funkeiro, Deolane Bezerra Santos, relatou como foi o depoimento.

"Ele falou que teve uma atitude imatura, tendo em vista que os policiais estavam obstruindo a via há 15, 20 minutos e ele só queria ir embora pra casa. Como ele tava muito nervoso, disse que acabou se expressando mal", afirmou.

Pelas falas, o cantor deverá responder por incitação à violência e injúria, de acordo com a delegada do caso, Fabiana Sarmento de Sena Angerami.

Os policiais se sentiram injuriados na sua honra, se sentiram injuriados na corporação e representaram contra o Kevin. Então, ele vai ser responsabilizado, vai ser acusado pelo crime de injúria contra os policiais. Além disso, quem pratica crime contra funcionário público e ainda dissemina isso em veículos de comunicação, que podem abranger uma quantidade enorme de pessoas, comete incitação ao crime. Disse à TV Globo.

Mc Kevin tem atualmente 7,5 milhões de seguidores no Instagram e, por conta disso, a delegada entendeu que ele estava incentivando seus seguidores a ofenderem funcionários públicos.

Em nota, a SSP (Secretaria de Segurança Pública de São Paulo), afirmou que o 20º DP está ouvindo os depoimentos dos envolvidos, "mas detalhes não podem ser passados no momento para não prejudicar os trabalhos".

Entenda o caso

Tudo começou quando Kevin, dirigindo uma Range Rover Evoque, tentou passar pela rua João de Laet, que estava temporariamente interditada por causa de uma ocorrência.

Os policiais foram até o carro, pediram para que ele abaixasse o vidro e aguardasse até a liberação da via — o que aconteceu mais tarde e ele conseguiu seguir o trajeto.