PUBLICIDADE
Topo

Campeã de rejeição no 'BBB 14', Aline é campeã de fisiculturismo em Dubai

Aline Dahlen já saiu vitoriosa de sua primeira competição fitness, disputada em Dubai - Reprodução/Instagram
Aline Dahlen já saiu vitoriosa de sua primeira competição fitness, disputada em Dubai Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

24/02/2021 07h00Atualizada em 24/02/2021 12h52

Aline Dahlen enxergava o "BBB 14" como uma chance de alavancar sua carreira como atriz, mas viu suas expectativas desmoronarem ao ser eliminada com a maior rejeição da edição, ganhando 80% dos votos em um paredão com Marcelo Zagonel, um de seus maiores inimigos dentro da casa.

Sete anos depois, a atriz deu uma virada em sua vida para fugir do "cancelamento". Morando em Londres, ela entrou para as competições de fisiculturismo, se sagrando campeã do Dubai Muscle Classic, realizado nos Emirados Árabes nos dias 13 e 14 de fevereiro.

"Fui para Dubai fugir do lockdown em Londres, onde moro. Passamos pelo menos oito meses trancados. Fui atrás de sol, de academia aberta, e um dia na praia um amigo me falou do concurso e achou que eu deveria me inscrever", contou ela em entrevista ao jornal Extra.

A ex-BBB detalhou que teve apenas dez dias para se preparar para o torneio, depois de um ano malhando em casa. "Improvisava com elásticos e garrafas cheias de água, porque os preços de peso na Inglaterra são absurdos!", explicou.

Mas Aline deixa claro que foi ajudada por sua "memória muscular", já que foi ginasta na infância e adolescência e continuou ativa por grande parte de sua vida. Na contagem regressiva para os 40 anos, completados em junho, a ruiva impressionou os jurados pelos músculos das coxas, braços e abdômen irretocáveis.

"Lógico que contam também a apresentação, cabelo, pele, atitude no palco. Sempre tive uma boa musculatura e foco para transformar meu corpo. Uma vez, no Rio de Janeiro, um cara passou a mão na minha bunda, reclamei e ele disse que era toda macia. Nossa, engoli seco, e tratei de transformá-la numa rocha", lembrou.

Animada com a vitória em Dubai, a modelo e atriz deve continuar sua saga pelas competições, com mais dois concursos no "ramo fitness" agendados para 2021: "Essa medalha pesa. Não quero deixá-la cair, não. O investimento no início, é bem alto, mas também é possível competir patrocinada. Quem sabe agora?", torceu ela.

Hoje estabilizada no exterior, Aline confidenciou ao UOL que passou por uma série de dificuldades ao lidar com a rejeição no "BBB 14".

Em participação no especial "O Lado B do BBB", no início do ano passado, ela disse ter sofrido com esquizofrenia paranoide graças à perseguição do público e afirmou ter demorado para fazer as pazes com sua decisão de entrar no reality, comemorando que hoje não se arrependa mais.

"Eu já tive princípio de esquizofrenia paranoide, por exemplo: ela faz um sinal para o seu câmera ali, sei lá, som, eu já acho que ela tá falando de mim. Também já tive depressão, já fui diagnosticada com bipolaridade, mas umas coisas leves, a esquizofrenia você precisa de um gatilho, ou matar alguém ou uma rejeição muito grande amorosa ou uma rejeição de apenas 80% do Brasil te odiando".

"Eu já me arrependi muito, muito, porque hoje talvez eu tivesse uma carreira como atriz, consolidada, ou não, porque eu tava indo do meu jeitinho, devagarinho, mas hoje em dia talvez eu não me arrependa porque eu não estaria aqui conversando contigo, né? Ou talvez estivesse falando da minha brilhante carreira na novela das 8. Olha, se me pagassem bem, eu participaria, porque hoje eu não tenho mais nada a perder, nada. Big Brother eu não sei, mas 'A Fazenda' talvez eu fosse, paga mais", ironizou a ex-BBB.

Quem deve ser eliminado do 'BBB 21'?

Globo/João Cotta
Caio
Globo/João Cotta
Fiuk
Globo/João Cotta
Gilberto
votos

Valide seu voto

captcha

Caso não consiga ler, ouça o que está escrito.

Valide seu voto

A votação do UOL não possui caráter cientifico ou influência sobre o resultado do programa da TV Globo