PUBLICIDADE
Topo

Bambam diz que psicólogo pode ser 'privilégio' no BBB: 'Não tem que ter'

Kleber Bambam faz revelações à Matheus Mazzafera - Imagem: Reprodução/YouTube
Kleber Bambam faz revelações à Matheus Mazzafera Imagem: Imagem: Reprodução/YouTube

Do UOL, em São Paulo

12/03/2021 15h43

Kleber Bambam foi o convidado de ontem de Matheus Mazzafera, em seu canal no YouTube. Por lá, o assunto foi apenas um: "BBB" (TV Globo). O apresentador pediu a opinião de Bambam em relação a ter psicólogos no reality.

De acordo com o ex-brother, é errado ter um profissional de psicologia no confinamento, por conta da convivência — o que poderia levar até a um possível "privilégio".

"Não tem que ter psicólogo, tem que ter convivência. Quando você assina o contrato, você está ciente de tudo e, se viram os outros Big Brothers, melhor ainda. Se vai lá e tem algum privilégio, como faz? Se a pessoa [fala]: 'Relaxa aí, você está indo bem'. Está errado. Hoje falam mais sobre racismo, preconceito e gênero. Está mais quente esse lado. O jogo está sendo menos jogado do que antes", disse.

O galã ainda garantiu que até hoje, assiste o programa, porém "por obrigação": "Assisto porque tenho que assistir. Dou entrevistas e na maioria delas, o assunto é 'Big Brother Brasil".

Na entrevista, Bambam também disse que ficou com mais de 11 ex-sisters, contou para quem vai sua torcida no "BBB 21" e disse que tem ranço de duas ex-participantes.