PUBLICIDADE
Topo

Novelas

Leandra Leal: 'Ter Bolsonaro como presidente na pandemia é desesperador'

Leandra Leal - Guilherme Burgos/Divulgação
Leandra Leal Imagem: Guilherme Burgos/Divulgação

Marcela Ribeiro

Do UOL, no Rio

06/04/2021 18h23

Leandra Leal revelou como tem vivido este momento da pandemia. A atriz, que está na reprise da novela "Império", contou que tem trabalhado muito e que tem sido difícil enfrentar este período. Definiu como "azar cármico" ter Jair Bolsonaro (sem partido) como presidente.

A gente está vivendo o pior momento da pandemia. Eu estava fazendo 'Aruanas', mas as gravações pararam. É uma situação difícil e dolorosa. Confesso que trabalhei a beça a pandemia, inventei milhões de formas para passar [esta fase] de forma saudável e criativa, mas é muito difícil viver nessa realidade coletiva. É um azar cármico ter o Bolsonaro como presidente do nosso país durante uma pandemia. É muito desesperador.

A atriz falou hoje à imprensa, em uma entrevista coletiva virtual que marca o retorno de "Império" à programação da Globo, já na próxima segunda-feira.

"A gente precisa acreditar em outra realidade possível, num futuro sustentável, e a arte é muito importante nisso. A gente tem um papel decisivo no lugar que a gente está agora como nação. Caiu no nosso colo esse papel de reinventar o futuro", afirmou Leandra.

Paulo Betti também lamentou o momento atual do país e falou que precisou interromper sua peça autobiográfica por causa da pandemia do coronavírus.

"Estou aqui me esforçando para manter a sanidade e tendo consciência de que sou privilegiado. Sabemos das dificuldades pelas quais as pessoas estão passando. Tenho uma casa, tenho comida."

Cumprindo o isolamento social, Betti tem ocupado parte de seu tempo participando de lives sobre diversos assuntos: arte, ambiente, política e pandemia são alguns deles.

"Me sinto num campo de batalha, onde vem tiro de todo lado. E fico tentando desmontar todas as idiotices que estão sendo feitas, então participo de lives. Falo, conto histórias, meto o pau no governo, vamos em frente... Estamos no meio de uma pandemia e com a pior possibilidade de liderança possível", completou o ator.

Alexandre Nero poderá se rever como o protagonista José Alfredo, o comendador. Apesar de gostar da ideia da reprise, ele lamenta a pausa nos novos trabalhos.

Quem está bem é porque está mal informado. A expectativa é um misto de alegria com tristeza. A gente quer entregar produtos novos, mas está impedido por causa da pandemia e da incompetência gerada por isso.

Alexandre Nero em 'Império' - Divulgação - Divulgação
Alexandre Nero em 'Império'
Imagem: Divulgação

Marjorie Estiano, que interpretou a vilã Cora na novela, criticou a desorganização do governo e a demora para vacinar a população.

"Voltamos com a quarta temporada de 'Sob Pressão' e paramos novamente. Não tenho tanta expectativa de que a conscientização vai ganhar impulso, vai ficar por conta da vacina mesmo. A conscientização acho que é mais a médio e longo prazo. A ganância é a origem de onde a gente está agora em relação à vacina. Essa desorganização, esse desgoverno."

Novelas