PUBLICIDADE
Topo

Charles foi rejeitado por prima antes de casar com Diana, diz documentário

Amanda Knatchbull e Príncipe Charles nos anos 70 - Reprodução/Divulgação
Amanda Knatchbull e Príncipe Charles nos anos 70 Imagem: Reprodução/Divulgação

Colaboração para o UOL, em São Paulo

12/05/2021 11h43Atualizada em 12/05/2021 23h11

Príncipe Charles, primeiro na linha de sucessão ao trono britânico, foi "rejeitado" por uma prima ao pedi-la em casamento antes de se casar com a Princesa Diana.

As informações são do jornal britânico Daily Mirror, que diz que o documentário "The Royal House of Windsor", recém-exibido no canal britânico Channel 4, conta como Charles pediu a mão da prima, Amanda Knatchbull, em 1977, quatro anos antes de sua união com Lady Di.

De acordo com a produção, Amanda Knatchbull era a preferida dos demais membros da Família Real Britânica para se tornar esposa de Charles. O maior incentivador do relacionamento era o Lord Mountbatten, tio-avô de Charles e avô de Amanda.

Mountbatten era bem próximo de Charles, sendo até visto pelo príncipe, como um avô.

"Por muitos anos, Lord Mountbatten secretamente alinhou a Amanda como a possível futura rainha", diz o documentário.

O pedido de casamento teria sido feito no fim dos anos 70, dentro do Royal Yacht Britannia, navio real no qual Charles, Amanda e alguns familiares faziam uma viagem pelo Caribe.

"O Charles se virou para ela e perguntou, 'seja a minha esposa?' e ela disse 'não'", conta o narrador do filme.

"Eles eram muito próximos, estavam sempre juntos, talvez próximos até demais. Eles eram como irmãos".

Atualmente, Charles é o primeiro nome na linha de sucessão ao trono britânico. Ele é casado com Camila Parker.

Amanda, que está com 63 anos e é assistente social, é casada com o empresário Charles Vincent Ellingworth desde 1987 e tem três filhos com ele.

Errata: o texto foi atualizado
Uma primeira versão deste texto dizia que Charles é o segundo na linha de sucessão ao trono; na realidade, ele é o primeiro. A informação já foi corrigida.