PUBLICIDADE
Topo

'Vida de rica está muito boa', diz mãe de Gil do Vigor no 'Caldeirão'

 Gil do Vigor e dona Jacira no "Caldeirão do Huck" - Reprodução/Globo
Gil do Vigor e dona Jacira no "Caldeirão do Huck" Imagem: Reprodução/Globo

Do UOL, em São Paulo

19/06/2021 17h49

Gil do Vigor e Fiuk foram os convidados do "Caldeirão do Huck" deste sábado. Os dois estavam acompanhados de suas mães, dona Jacira e Cristina Karthalian, e conversaram com Luciano Huck sobre suas histórias.

Gil e Jacira

O pernambucano, que virou um fenômeno após o "BBB 21", falou sobre como teve acesso aos estudos. Gil trabalhava para conseguir dar suporte para a família e também estudar.

Eu fiz parte de um programa, com uns 17 anos, fui o melhor aluno e elogiado. E em seguida consegui um estágio, que me possibilitou mais dinheiro para ajudar minha mãe e ter um computador para estudar para o vestibular.

Gil, apesar da sua realidade difícil, não desistiu de lutar por seus sonhos. Para o Huck, ele disse que sabia que a ferramenta que tinha para melhorar de vida seria o estudo.

É muito complicado você ouvir das pessoas que estudar é bom para quem é rico. Eu sabia que se eu quisesse algo maior, seria através do estudo. No meu mundo paralelo, eu buscava essa realidade. Eu consegui passar no PhD sendo o Gil do Vigor, comendo cuscuz.

Dona Jacira, mãe de Gil, teve diversos trabalhos, de serviços gerais a cozinheira. Mas num determinado momento, ela ficou desempregada e precisou se prostituir para alimentar os filhos.

Gil passava a mãozinha na barriga, ele nunca falou 'tô com fome', mas eu sabia que estava. Eu fiz muita coisa para trazer comida, eu já deitei com homem para ter dinheiro, eu não me arrependo.

O economista disse que tinha consciência dessa realidade, e que a mãe nunca escondeu nada: "Minha mãe sempre foi muito amiga. Dizia para a gente estudar, que ela faria qualquer coisa por nós".

Agora, a história é outra: Gil está famoso, firmou vários contratos publicitários e com a própria Globo, e o PhD na Califórnia está chegando. Dona Jacira também aproveitou para virar influenciadora nas redes sociais. O resultado? Ela conta:

A vida de rica está muito boa. Gosto de estar cheirosa, me arrumar, coloquei mega hair, unha de gel. Minha vida é outra.

 Fiuk e sua mãe Cristina no 'Caldeirão' - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Fiuk e sua mãe Cristina no 'Caldeirão'
Imagem: Reprodução/Instagram

Fiuk e Cristina

Cristina, ex-mulher de Fábio Jr, revelou que conheceu o cantor numa danceteria no Morumbi, em São Paulo, Fábio a parou numa escada e perguntou: "Qual seu signo?". Ela respondeu: "Aquário". Assim que começou o relacionamento que durou 4 anos.

Sobre a participação do filho no "BBB", Cristina disse que foi do céu ao inferno ao assistir algumas situações na casa. Mas, no fim, ficou feliz com a performance de Fiuk.

Vi ele assumindo os problemas dele. A história do casulo é verdade. Foi uma ótima oportunidade dele ter essa convivência, de ter críticas, autocríticas.

Fiuk, que sofre de TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade), diz que tinha medo de se expor, e justamente por esse motivo sua mãe o incentivou a entrar no programa.