PUBLICIDADE
Topo

Entre beijos e mão no bumbum! Ludmilla faz passeio de iate com Brunna

Ludmilla curte passeio de barco com a Brunna Gonçalves - Reprodução/Instagram
Ludmilla curte passeio de barco com a Brunna Gonçalves Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para o UOL, em São Paulo

21/07/2021 18h17Atualizada em 21/07/2021 18h19

Ludmilla, de 26 anos, compartilhou com seus seguidores, na tarde de hoje, alguns cliques românticos de um passeio de iate ao lado da mulher, Brunna Gonçalves, durante a viagem a cidade de Cancún, no México.

Em publicação no Instagram, a cantora, dona do hit "Rainha da Favela", postou fotos dela curtindo o passeio em alto-mar e, claro, beijando sua companheira - com direito até a mão no bumbum.

"Que dia", escreveu Ludmilla, na legenda dos cliques.

Os fãs e admiradores da artista deixaram vários elogios no campo de comentários ressaltando a beleza dela e Brunna nas imagens.

"Que lindas", disse um seguidor. "Muito maravilhosas", postou outro internauta. "Eu amo demais vocês", declarou um terceiro fã.

Ataques de haters

Em recente entrevista à "Veja Rio", Ludmilla revelou que os ataques racistas aumentaram. consideravelmente. após ganhar a fama e até evita publicar conteúdo de sua vida pessoal para não se magoar com as mensagens dos haters.

"A discriminação aumentou com a fama. Através da música, conquistei um espaço que é, ao mesmo tempo, maravilhoso e problemático. Muita gente não aceita que uma mulher negra e pobre chegue a um lugar de destaque. Aprendi a duras penas ser mais reservada, a não expor o cotidiano da minha família. Até uns anos atrás, eu mostrava minha vida toda ali. Agora, pensando na minha saúde mental, exponho o mínimo possível", disse ela, que continuou:

"As redes se tornaram uma terra de ninguém, um prato cheio. Qualquer um pode comprar um chip de R$ 5, criar um perfil falso e sair destilando ódio. Na hora de criá-lo, deveria ser obrigatório, por exemplo, cadastrar o CPF. Muita gente deixa de cometer crimes porque sabe que pode ser preso. Já internet, quem ataca os outros tem certeza de que seguirá impune", finalizou.