PUBLICIDADE
Topo

Marc Jacobs incentiva transparência sobre plásticas: 'Não escondo o rosto'

Marc Jacobs compartilhou foto em câmara hiperbárica - Reprodução/Instagram @themarcjacobs
Marc Jacobs compartilhou foto em câmara hiperbárica Imagem: Reprodução/Instagram @themarcjacobs

Luiz Henrique Oliveira

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/08/2021 09h01Atualizada em 08/08/2021 12h28

Marc Jacobs tem sido bastante aberto ao falar sobre os procedimentos estéticos pelo qual tem passado, Nas últimas semanas, ele virou notícia por conta de um lifting que fez em seu rosto, e mostrou todos os detalhes para o público que o acompanha no Instagram.

Em uma nova entrevista, o estilista afirmou que começou a fazer intervenções estéticas há muito tempo. "Não me lembro exatamente quando, mas Steven Meisel me recomendou um médico chamado Dr. Brandt que era, é claro, muito famoso e todo mundo sabia. Comecei a ir ao Dr. Brandt como a maioria dos meus amigos fazia e iniciamos com um pouco de Botox e alguns preenchimentos", relatou ele para a "Vogue".

"Mas sempre fui muito conservador com isso. Infelizmente, perdemos o Dr. Brandt e então comecei a frequentar o Dr. Frank, que também foi recomendado por Steven. O que realmente estava me incomodando era meu pescoço e como a pele estava solta. Comecei a me tornar muito conservador com o Botox porque não gosto da aparência dos caras quando eram, tipo, muito Botox e mesmo balanceando com o preenchimento, parecia estar se tornando muito", destacou em seguida.

Por conta disso, Jacobs decidiu mudar a técnica: "Então comecei a fazer liftings com fios para segurar minha papada e a área do meu rosto onde a pele estava flácida. Mas descobri que eles só foram eficazes por um período muito curto de tempo. Os enchimentos eram muito pesados e os fios não seguravam mais nada".

"Então, o Dr. Frank disse: 'Posso continuar fazendo coisas no seu rosto, mas realmente não vai ajudar muito. Não vai ser eficaz. Você está naquele momento em que acho que deveria considerar uma cirurgia que exija um corte em vez de uma injeção'. Então recebi recomendações e, dentre todos, me apaixonei pelo Dr. Jacono, imediata e definitivamente, levando em consideração tudo que tínhamos lido sobre ele online, todos diziam que ele era o melhor", explicou, citando Dr. Andrew Jacono, responsável por sua última intervenção.

Jacobs garantiu ter gostado do lifting. "Eu amei os resultados. Estou muito feliz. Ainda estou no processo em que preciso usar uma câmara de oxigênio hiperbárica todos os dias por algumas horas, o que supostamente ajuda na recuperação. Estou apenas no início do que levará algumas semanas, ou alguns meses, antes de ter uma recuperação completa".

"Eu tive alguns desconfortos após a cirurgia e precisei tomar alguns analgésicos. Fiz questão de ter uma enfermeira que monitorasse esses remédios para que eu não abusasse deles porque tenho um problema com vício, então fui muito transparente com meu pessoal do AA, meu orientador, etc. Agora estou apenas tomando Tylenol forte e realmente não sinto nenhum desconforto. Apenas um pouco de pressão e tensão no meu pescoço, que é um pouco estranhon mas não desconfortável", prosseguiu.

Em seguida, o estilista defendeu a transparência a respeito de cirurgias plásticas. "Tem tantas coisas sobre as quais fui transparente. Tipo, uma vez quando fui a um evento com um boné de beisebol e as pessoas me perguntaram: 'Por que você está usando um boné de beisebol?' E eu disse: 'Bem, acabei de fazer um transplante de cabelo.' Eu respondi!", riu ele.

Mas, honestamente, qual é a diferença? Eu não estou cobrindo meu rosto. Eu não estou usando óculos escuros. Eu não estou anônimo. Eu tenho algumas cicatrizes ao redor das minhas orelhas e meu rosto está inchado e eu tenho um hematoma no pescoço, mas ainda estou postando no Instagram. Eu não me importo. Eu nem mesmo vejo isso como um esforço para ser transparente. Estou fazendo o que normalmente faço, que é viver minha vida e compartilhá-la com qualquer pessoa interessada.