PUBLICIDADE
Topo

Mãe de Paulo Gustavo chora ao comentar desfile da São Clemente sobre o ator

Mãe de Paulo Gustavo se emociona ao comentar saudade do filho e desfile da São Clemente em homenagem a ele - Daniel Mobilia/Folhapress
Mãe de Paulo Gustavo se emociona ao comentar saudade do filho e desfile da São Clemente em homenagem a ele Imagem: Daniel Mobilia/Folhapress

Colaboração para o UOL, no Rio

18/08/2021 12h28Atualizada em 18/08/2021 12h39

Déa Lúcia, mãe do humorista Paulo Gustavo, que morreu em maio aos 42 anos em decorrência da covid-19, conversou sobre o enredo e desfile da escola de samba São Clemente, que homenageará o ator, em uma live feita pelo canal Sambistas da Depressão.

Em papo com Milton Cunha, comentarista de Carnaval e idealizador do enredo e Tiago Martins, carnavalesco da escola, Déa se emocionou ao comentar a saudade do filho:

Essa força eu tiro da minha filha, dos meus netos, é aí que eu seguro a minha onda, entendeu. Tem dia que a gente está muito alegre, tem dia que a gente está muito triste e é por aí. É muito difícil, tudo lembra ele na vida. O Brasil não deixa esquecer, não deixa passar nada. Déa Lúcia

A mãe do ator ainda agradeceu pelo carinho dos fãs de Paulo: "É esse amor que eles emanam que faz a gente ficar bem, a gente chora, mas é muito amor dos fãs, dos meus amigos, que faz a gente conseguir passar um dia após o outro. É muito difícil porque Paulo Gustavo todos os dias me telefonava, até de madrugada".

"Ele até dizia: 'Mamãe a gente manda uma mensagem no WhatsApp e ela responde em caixa alta'. Eu sabia que ele ia ligar, Juliana é mais quietinha, mas ele não, ele ia ligando, não queria saber o horário. Eu estava ali, sempre a posto para os meus filhos. Agora a Juju que está cuidando de mim", acrescentou Déa.

A cantora comentou ainda sobre a relação dos filhos com o Carnaval durante a infância. "Eles iam brincar no Clube Central em Niterói, mas quando eles cresceram mais um pouco é que eles gostaram de Carnaval. Eu adoro, sou fã", contou ela, que relembrou ainda o desfile da São Clemente em 2013, em que Paulo Gustavo estava presente fantasiado de Dona Hermínia e ela também.

Déa também brincou sobre sua expectativa para o desfile:

Quero estar linda. [...] Quero agradecer muito a São Clemente por querer prestigiar meu filho, foi o máximo ser a São Clemente porque a escola já colocou Dona Hermínia na avenida, ela tinha quase que esse direito de fazer esse Carnaval, esse enredo. Na hora que falaram para mim, eu falei: 'Perfeito!'. Eu agradeço de coração! Vou começar a fazer uma dieta agora para ver se eu consigo perder uns 20 quilos até fevereiro. Déa Lúcia

"A gente quase morre de emoção. Olha, eu vou morrer na avenida, hein, meu coração vai parar. Já pensou?", brincou ela, fazendo Milton Cunha e Tiago Martins darem risada.

Dona Déa relatou que também teve covid-19 e que esqueceu de fotografar o momento de vacinação contra o vírus, e comentou o legado que Paulo Gustavo deixou:

Nada foi em vão, ele deixou um legado muito grande. Muitas mães me abordam na rua, me abordavam na época que ele começou e diziam: 'Nossa, impressionante você'. Muitos filhos relatavam para mim o sofrimento, [...] ele deixou esse legado de amor. Os pais têm que estar do lado dos filhos, a educação e o amor vem de casa. Eu transmiti amor e eles transmitem para os outros. [...] Ele deixou esse legado bonito de casamento, de filhos. Déa Lúcia

Déa Lúcia, mãe de Paulo Gustavo, comenta desfile da São Clemente e se emociona ao falar sobre o filho - Reprodução/YouTube - Reprodução/YouTube
Déa Lúcia, mãe de Paulo Gustavo, comenta desfile da São Clemente e se emociona ao falar sobre o filho
Imagem: Reprodução/YouTube