PUBLICIDADE
Topo

Mionzinho se arrepende de voto em Bolsonaro e revela block do presidente

Mionzinho com Marcos Mion - Reprodução/Instagram
Mionzinho com Marcos Mion Imagem: Reprodução/Instagram

Felipe Pinheiro

Do UOL, em São Paulo

18/08/2021 04h00

Victor Coelho fez sucesso na televisão sem falar uma palavra. Intérprete do Mionzinho, o publicitário acompanhou Marcos Mion em algumas das melhores fases do apresentador, como na MTV ("Covernation" e "Descarga MTV") e na Record TV ("Legendários"). No ano passado, ele mudou o rumo da carreira ao se candidatar a vereador, mas não conseguiu votos suficientes para ser eleito.

Diferentemente de seu personagem, Victor falou, nesta entrevista. E falou até ficar com a boca seca, a ponto de pausar a entrevista com o UOL para beber um copo de água. Ironias à parte, ele comentou sobre tudo: de política a "BBB".

Revelou que votou em Jair Bolsonaro (sem partido) no segundo turno para presidente em 2018, o que pode ser uma surpresa para quem o acompanha no Twitter. Na rede social, o humorista faz críticas ao governo atual. Ele diz por que se arrepende de ter escolhido o então candidato que venceu as eleições contra Fernando Haddad (PT).

Não votaria nele de novo. Por tudo o que ele disse em campanha e o que está fazendo, completamente o contrário. Sou um cara liberal. As pautas dele e do Paulo Guedes faziam sentido para mim. Logo no primeiro ano, vi que foi só um discurso para ganhar voto. Foi um processo que fez eu me arrepender.

Mionzinho trabalhou por 12 anos ao lado de Marcos Mion, que acaba de assinar com a Globo - Divulgação/Record - Divulgação/Record
Mionzinho trabalhou por 12 anos ao lado de Marcos Mion, que acaba de assinar com a Globo
Imagem: Divulgação/Record

Twitter ou Faixa de Gaza

O Twitter é a rede social favorita de Mionzinho, que também está presente no Instagram e no YouTube. É nela que o publicitário comenta sobre política e tece críticas ao governo Bolsonaro quando acha necessário. Algumas consequências acabam sendo inevitáveis, como quando ele descobriu que havia sido bloqueado pelo presidente do Brasil.

Victor Coelho é o intérprete do Mionzinho; a rede social favorita dele é o Twitter, onde gosta de falar sobre política. - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Victor Coelho é o intérprete do Mionzinho; a rede social favorita dele é o Twitter, onde gosta de falar sobre política.
Imagem: Reprodução/Instagram

"Já estou bloqueado por ele [Bolsonaro] e por alguns dos filhos dele. Um dia, entrei no Twitter dele para ver algo que ele tinha dito, e percebi que ele tinha me bloqueado. Isso porque eu assumo que já votei nele. E o cobro, com razão. Como eleitor dele, tenho todo direito de cobrar o que ele está fazendo de errado. E nem isso mais eu consigo, porque ele me bloqueou", afirma.

Mionzinho diz que o Twitter é como a Faixa de Gaza, comparando a guerra virtual ao conflito de décadas entre Israel e Palestina. Mas ele prefere buscar o caminho da diplomacia, sem querer enfiar suas opiniões goela abaixo dos seus seguidores.

Sobre a reação dos bolsonaristas que o seguem, ele diz:

Em um primeiro, é agressiva. Porque estou falando do presidente. O meu público é bem mais de direita do que de esquerda. Quando a pessoa vê que eu começo a argumentar, ela some ou conversa de boa. Na maioria das vezes, eu vejo que consigo tirar um pouco esse radicalismo das pessoas, então isso me alimenta a continuar esse debate, embora seja desgastante. As pessoas não têm muita paciência.

Cactos (os fãs da Juliette) ou bolsonaristas: quem são os mais raivosos?

Que difícil! Acho que os cactos são piores, porque eu não consegui fazê-los enxergar que eles são muito radicais. E é normal eu ter falado que achei a Juliette chata dentro do 'Big Brother'. As pessoas têm opiniões diferentes, e eles não precisam me odiar para o resto da vida. Pessoalmente, eu não acho ela chata, porque eu nem a conheço. É mais difícil convencer um cacto do que um bolsonarista.

Frustração na política

A fama de Mionzinho não ajudou Victor a ser eleito em 2020 pelo Partido Novo ao cargo de vereador por São Paulo. Foram somente 2.171 votos. Ele não esconde a frustração pela derrota.

Confesso que, no começo, fiquei bravo. Porque foram 45 dias em que eu só chegava em casa para dormir. Tomava um relaxante muscular e dormia. Eu andava o dia inteiro por São Paulo na pandemia, de máscara e álcool gel o tempo todo. Foi extremamente exaustivo. De fato, eu tinha um projeto muito legal. Por que não eu? Foi difícil de digerir, mas entendi que a democracia é assim. As pessoas que escolhem e paciência.

Marcos Mion na Globo

Marcos Mion celebra sua contratação pela Globo - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Marcos Mion celebra sua contratação pela Globo
Imagem: Reprodução/Instagram

Marcos Mion não cabe dentro de si tamanha é a realização por ter assinado com a Globo, emissora onde apresentará o "Caldeirão" — ou "Caldeirola", como ele mesmo brinca — no lugar de Luciano Huck a partir de setembro. Os fãs de Mion vibraram com a notícia, e entre eles o velho amigo Mionzinho.

Fico feliz demais. É gratificante para mim por eu ter feito parte da história e contribuído de alguma forma. Um programa só será pouco para ele. Conhecendo o Mion, sei que a cabeça dele não para. Ele deve ter vários projetos para colocar lá dentro. É realmente onde ele sempre quis estar.

O que será que Mion vai resgatar do baú da TV Globo?

Ele terá à disposição o melhor acervo da história da TV! Eu iria direto na série 'Sandy e Junior'. Ele vai se zoar, porque a gente fazia isso na MTV. Ele era magro, de cabelo raspado na série. Vai valer muito a pena assistir.

Marcos Mion com Sandy e Junior em 1999 - Reprodução/Instagram - Reprodução/Instagram
Marcos Mion com Sandy e Junior em 1999
Imagem: Reprodução/Instagram

Atualmente, Victor Coelho trabalha na empresa de papel de parede da família, na área de marketing. Se voltaria para a TV? Não é uma prioridade, mas ele diz ter vontade de trabalhar novamente com teatro mudo.

"Até hoje as pessoas pensam que sou mudo. É um choque. Faço muitos vídeos falando no meu Instagram e até hoje recebo comentários", diverte-se.