Topo

Wagner analisa comportamento de Jaqueline: "Não era espontâneo"

Reprodução/GloboPlay
Gleici, Mahmoud e Wagner conversam no quarto tropical Imagem: Reprodução/GloboPlay

Do UOL, em São Paulo

09/02/2018 20h46

Na noite desta sexta-feira (09), enquanto esperavam por uma possível festa na casa do "BBB18", Gleici, Mahmoud e Wagner conversaram no quarto tropical sobre seus objetivos no jogo e a saída de Jaqueline do reality. O artista visual disse que não concordava com o comportamento da biomédica: "Não era espontâneo".

Wagner citou vários motivos que levaram a sister a ser eliminada no paredão triplo. "Ela ultrapassou vários limites ao meu ver. Ela era muito extravagante, queria chamar câmera, gritar, aquele lance de fazer o biquíni de esparadrapo, gritando, cantando alto, em dias frios ficar de biquíni", disse.

Mahmoud, que permaneceu na casa, assim como Gleici, disse que não queria falar de Jaqueline, mas não deixou de alfinetar: "Ela fazia isso toda hora". Ele ainda relembrou a briga que teve com a loira: "Eu fiquei muito incomodado dela ter gritado comigo".

Facebook Messenger

Receba as principais notícias do dia. É de graça!