PUBLICIDADE
Topo

Coluna

Fefito


Ao optar por 'A Força do Querer', Globo mostra falta de ousadia em reprises

Bibi (Juliana Paes) e Sabiá (Jonathan Azevedo) em "A Força do Querer" - Divulgação/TV Globo
Bibi (Juliana Paes) e Sabiá (Jonathan Azevedo) em "A Força do Querer" Imagem: Divulgação/TV Globo
Fefito

Fernando Oliveira, conhecido como Fefito, é formado em jornalismo e pós-graduado em direção editorial. Teve passagens pela IstoÉ Gente, Diário de S. Paulo, iG, R7. Atuou como apresentador do Estação Plural, da TV Brasil, Mulheres, da TV Gazeta, e Morning Show, da Jovem Pan.

Colunista do UOL

17/07/2020 12h26

Resumo da notícia

  • Emissora decide deixar retorno de novelas inéditas para o ano que vem por causa da pandemia
  • Por causa dos números de audiência, "A Força do Querer" substituirá "Fina Estampa"
  • Globo perde a oportunidade de reprisar novelas mais antigas

A Globo confirmou que a reprise de "A Força do Querer" substituirá "Fina Estampa" em sua faixa nobre de novelas. Por causa da pandemia, a emissora achou arriscado colocar "Amor de Mãe" de volta ao ar. A trama de Manuela Dias retorna em 2021, em versão mais curta, como adiantou a coluna - apenas 23 capítulos.

Sucesso quando foi exibida em 2017, a novela de Gloria Perez responde por uma das maiores audiências do horário nos últimos anos e, assim como ocorreu com o folhetim de Aguinaldo Silva, teve os números como fator decisivo para sua reexibição.

A Globo esquece, no entanto, que os índices de sucesso de outrora podem não se repetir hoje. Neste caso, há um fator de complicação: faz muito pouco tempo que a novela que narra as aventuras de personagens como Bibi Perigosa (Juliana Paes) foi ao ar.

O que a decisão da emissora em colocar "A Força do Querer" como reprise mostra é que ela não quis tomar decisões arriscadas.

Com um extenso catálogo de novelas, a Globo poderia ter optado por produções que deixaram saudade, como "A Favorita" ou mesmo aproveitar que o GloboPlay tem dado novo tratamento de imagem e recorrido a folhetins mais antigos. Faltou ousadia.

Fefito